F1: Jordan não acredita que Sainz vá para a Williams

O ex-dono da extinta equipe Jordan na Fórmula 1, Eddie Jordan, minimizou uma possível ida de Carlos Sainz para a Williams em 2025. Segundo Jordan, isso ‘não vai acontecer’.

Sainz segue sem equipe confirmada para o ano que vem, após ser informado pela Ferrari que perderá o lugar para Lewis Hamilton na próxima temporada.

Apesar do bom início este ano, com vitória na Austrália, as portas de Mercedes e Red Bull se fecharam para o espanhol. A Sauber-Audi e a Williams surgiam como principais interessadas, mas Jordan acredita que a equipe de Grove não conseguirá retornar ao topo do grid, e isso pode não ser interessante para Sainz.

“Carlos Sainz é um talento fabuloso. Mas será difícil para a Williams recuperar a glória do passado. Eles dependem muito de investimentos”, afirmou Jordan, que continuou com uma certa crítica à Ferrari: “Ele não fez nada de errado (na Ferrari). Venceu corridas, formou boa dobradinha com Charles (Leclerc). O que mais ele poderia ter feito?”, questionou.