F1: Horner destaca surpresa com estratégia da McLaren em Silverstone

Max Verstappen conseguiu salvar um pódio no GP da Inglaterra da F1. De acordo com Christian Horner, o segundo lugar do neerlandês só foi possível por conta da boa estratégia da Red Bull, cenário completamente diferente do visto na McLaren.

No stint final em Silverstone, a equipe austríaca optou por calçar os pneus duros para o tricampeão. Explicando a decisão, o dirigente afirmou que “foi por uma série de razões. Uma, vimos que os pneus macios foram mal no primeiro stint com os pilotos da frente, acabaram muito rápido.”

“Vimos um pouco isso na sexta-feira, os pneus duros eram mais robustos e sentimos que eram melhores para nós. Então, quase não nos importamos com os outros. Sabíamos que os duros eram melhores para nós. Tinhamos um pouco de informação de Checo [Pérez] no início da corrida e parecia que ia bem”, continuou.

Já a McLaren optou pelo caminho oposto, calçando os compostos vermelhos para Lando Norris, o que pareceu incompreensível para Horner. “O que nos surpreendeu foi que a McLaren foi o time que tinha pneus médios disponíveis e escolherem não colocar. Teria sido ideal para essas condições”, falou.

“O pneu duro no final da corrida foi muito, muito forte. Particularmente no segundo setor, o de alta velocidade. Max era muito mais rápido do que os carros à sua frente”, completou.