F1: RB terá novo pacote aerodinâmico na Espanha

A RB chega ao GP da Espanha de Fórmula 1 com um novo pacote aerodinâmico para impulsionar seus carros. A equipe confirmou, através do diretor técnico Jody Egginton, que levará atualizações para o assoalho, carroceria e asa traseira em Barcelona.

O início de temporada tem sido positivo para a RB. Yuki Tsunoda vem liderando a equipe com boas performances, consolidando a sexta colocação no mundial de construtores. Vale lembrar que no ano passado, ainda como AlphaTauri, a equipe terminou em oitavo.

Com apenas nove corridas disputadas, a RB já superou a pontuação de toda a temporada 2023 (28 pontos contra 25). Isso apesar da briga pelo topo estar ainda mais acirrada.

Além disso, a equipe diminuiu a distância para as cinco primeiras colocadas, com destaque para a Aston Martin. As novidades aerodinâmicas reforçam a intenção da RB de brigar por resultados ainda melhores.

“Foram investidos esforços significativos em Faenza e Bicester, para preparar e entregar uma atualização aerodinâmica composta por assoalho, carroceria e asa traseira para ambos os carros, visando um ganho de performance mensurável”, afirmou Egginton. “Como resultado, as sessões de sexta-feira serão especialmente movimentadas para que possamos coletar e processar o máximo de dados possível e nos preparar para o sábado e o restante do final de semana.”

Enquanto Tsunoda tem liderado a equipe em termos de resultados, Daniel Ricciardo busca mais consistência. O australiano terminou em oitavo no Canadá e espera manter o bom momento em Barcelona, apesar da forte concorrência.

“Barcelona é sempre uma pista onde todos levam atualizações, então acho que vai ser um fim de semana muito competitivo. Vamos ver o que cada um terá”, disse Ricciardo. “Estou ansioso para pilotar com o último setor mais rápido que mudaram no ano passado. É uma pista bem conhecida, mas não fizemos nenhum teste lá esse ano, então deve ser divertido. Quero manter esse ritmo, tentar conseguir mais classificações no Q3 e marcar pontos. Estou esperando há um tempo, mas acredito que seja o começo de um progresso na temporada e que eu possa repetir performances como a de Montreal”, completou o piloto australiano.