Recorde de ultrapassagens: Stock Car abre temporada 2024 com mudança radical

A temporada 2024 da Stock Car Pro Series começa neste fim de semana (02 e 03/03) no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), e traz grandes novidades ao público e também aos pilotos. Além do formato renovado e que agora será composto por corrida Sprint — 30 minutos de duração — aos sábados e pela prova principal da etapa, de 50 minutos, aos domingos, uma importante e radical mudança tende a deixar as disputas ainda mais acirradas entre os principais nomes do automobilismo nacional, com o potencial de estabelecer quantidade recorde de ultrapassagens.

O regulamento particular da prova para a primeira rodada do campeonato prevê que cada piloto terá nada menos que 44 acionamentos do push-to-pass, o botão de ultrapassagem ativado eletronicamente pelo volante, que oferece potência extra e gera aproximadamente 100cv durante seu período de ativação, que para a etapa deste fim de semana será de oito segundos. A quantidade de push abrange as duas corridas, cabendo ao piloto decidir quando e onde vai acionar em cada uma delas.

Para os pilotos estreantes, outra novidade: além dos 44 acionamentos previstos do botão de ultrapassagem, os rookies Arthur Leist, Gabriel Robe e Zezinho Muggiati terão quatro push-to-pass extras.

A regra para o push-to-pass em 2024 difere muito em relação ao ano passado. A título de comparação, na primeira etapa da última temporada, que também foi disputada no circuito misto de 3.835 metros do Autódromo Internacional Ayrton Senna, cada piloto teve à disposição 12 acionamentos para usar na soma das duas corridas da rodada. Neste formato, a duração de potência extra em cada vez que o botão de ultrapassagem era ativado foi de 21 segundos.

Pela antiga dinâmica, os pilotos acionavam o push-to-pass somente nos trechos de maior velocidade, como a reta dos boxes, para extrair o máximo da potência extra. Com a mudança no regulamento para a nova temporada, os competidores vão poder usar com frequência o botão de ultrapassagem em outros pontos da pista, abrindo assim um leque ainda maior de estratégia em termos de lutas por posição, proporcionando maiores possibilidades de ataque e defesa com a duração mais curta de acionamento do push.

Quanto ao Fan Push, os vencedores da votação promovida junto ao público da Stock Car terão quatro acionamentos extras do botão de ultrapassagem, que poderão ser ativados na corrida principal do fim de semana, neste domingo, ao meio-dia.

Recorde de ultrapassagens

A mudança na quantidade e na duração do acionamento do push-to-pass traz a perspectiva de duas corridas muito empolgantes e repletas de ultrapassagens desde a abertura do campeonato.

No ano passado, por exemplo, o levantamento realizado pela Audacetech Racing Manager — sistema desenvolvido pela divisão de tecnologia da informação do Grupo Veloci — apontou um total de 350 ultrapassagens em Goiânia, considerando também as trocas de posição ocorridas durante os pit-stops.

Além da quantidade maior de acionamentos do botão de push-to-pass, o tempo de corrida será consideravelmente mais elevado nesta temporada e, portanto, também tende a impulsionar as manobras de ultrapassagem entre os pilotos. Enquanto até o ano passado o formato abarcava duas corridas com 30 minutos mais uma volta de duração cada, desta vez serão ao todo cerca de 80 minutos no total, somando a meia hora de prova Sprint no sábado e mais 50 minutos no domingo com a disputa principal do fim de semana.