F1: Ocon nega que alterações no carro da Alpine tenham favorecido Gasly

Esteban Ocon rejeitou a ideia de que a recente vantagem de Pierre Gasly tenha derivado de mudanças nas características do carro Alpine na temporada 2023 da Fórmula 1. Gasly substituiu Fernando Alonso este ano na Alpine, e Ocon inicialmente liderou seu compatriota na primeira metade da temporada.

Antes das férias no meio do ano, Ocon havia conquistado o único pódio da Alpine e superado Gasly por 35 pontos a 22 nas primeiras doze corridas. Entretanto, Ocon acumulou apenas 11 pontos nas últimas oito corridas, enquanto Gasly conquistou 40 pontos, ultrapassando seu companheiro de equipe no campeonato de pilotos.

Questionado se as características do Alpine A523 haviam mudado com as recentes atualizações, colocando Gasly em vantagem, Ocon afirmou: “Não, acho que obviamente, tive falta de sorte em algumas ocasiões, principalmente com abandonos, e infelizmente isso custou a mim na classificação de pilotos.”

Apesar de Gasly já ter superado Ocon no duelo de sessões de classificações com duas corridas restantes, os pilotos da Alpine têm se mantido próximos em voltas rápidas ao longo de 2023.

Ocon e Gasly, que cresceram competindo um contra o outro desde o Kart, conseguiram superar desavenças passadas para impulsionar a Alpine nesta temporada. Gasly comentou sobre a relação de trabalho, enfatizando a maturidade e responsabilidade no ambiente profissional, destacando que, embora não passem muito tempo juntos fora das pistas, o foco está na competitividade.