F1: “Gostei que Lewis de desculpou”, disse Russell

George Russell expressou sua frustração após o GP do Catar de Fórmula 1, considerando-o uma ‘oportunidade perdida’ para a Mercedes, após um choque com Lewis Hamilton na primeira volta.

Os dois pilotos estavam próximos ao entrar na curva 1, depois que Hamilton teve uma largada melhor com pneus macios.

Enquanto eles corriam lado a lado, Hamilton tocou na parte dianteira esquerda de Russell, fazendo com que ambos saíssem da pista. Enquanto Russell conseguiu continuar, Hamilton teve que abandonar a corrida.

Russell conseguiu se recuperar e terminar em quarto lugar, conquistando 12 pontos, o que permitiu à Mercedes superar a Ferrari na batalha pelo segundo lugar no Campeonato de Construtores, já que Charles Leclerc terminou em quinto e Carlos Sainz não pôde largar devido a um problema na bomba de combustível.

No entanto, o britânico sentiu que mais estava ao alcance da equipe, se o acidente com Hamilton não tivesse acontecido. “É frustrante porque foi uma grande oportunidade perdida para nós, nosso único objetivo é terminar em segundo no Campeonato de Construtores”, disse Russell à imprensa.

“Tivemos muitas discussões nesta manhã sobre como íamos trabalhar juntos, a luta não era entre nós, mas sim com a Ferrari.”

Russell continuou: “Definitivamente, gostei que Lewis se desculpou, pois como eu disse no rádio, todo incidente envolve duas pessoas. Eu estava arrasado por causa do resultado para a equipe. O Campeonato de Pilotos foi um desastre completo. Temos um único objetivo, que é terminar em segundo no Campeonato de Construtores, e perdemos uma grande oportunidade (de pontuar bem). No entanto, ainda tenho plena confiança de que podemos alcançar isso”, concluiu o britânico.