Com cinco vencedores diferentes, TCR Brasil chega à 4ª etapa da temporada com grande equilíbrio

Com cinco pilotos separados por apenas 14 pontos e cinco vencedores diferentes em cinco etapas disputadas na temporada 2024, o TCR Brasil chega ao Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo, para a quarta etapa do campeonato.

O top 5 da classificação é formado pelo líder Raphael Reis, seguido por Rodrigo Baptista, Pedro Cardoso, Galid Osman e o argentino Juan Ángel Rosso.

Após uma rodada dupla em um circuito de alta velocidade como o de Cascavel, no Oeste do Paraná, a categoria terá uma realidade bem diferente neste fim de semana no Autódromo Velocitta. A 160 quilômetros de São Paulo, o circuito é um dos mais técnicos do calendário. O traçado de 3.493 metros, com 14 curvas e um desnível de 45 metros entre o ponto mais alto e o mais baixo da pista, exige 100% de concentração para obter o melhor desempenho.

Vale lembrar que o Velocitta é um circuito de difícil ultrapassagem, o que aumenta a importância de um bom resultado na classificação, disputada no início da tarde de sábado. Uma boa posição no grid pode garantir um resultado melhor nas duas corridas da manhã de domingo.

O cronograma conta com atividades na sexta, sábado e domingo. O primeiro dia será reservado para o shakedown e o treino livre 1, e o sábado conta com o treino especial para os pilotos da Copa Trophy, o treino livre 2 e a classificação. O domingo encerra o cronograma com as duas corridas já habituais do TCR Brasil, mais uma vez em conjunto com o TCR South America.

O Velocitta receberá a última etapa antes da chegada do FIA TCR World Tour à América do Sul. No fim de julho, a categoria mundial se juntará ao evento conjunto do TCR South America e do TCR Brasil em Interlagos, São Paulo. O mundial ainda correrá com o certame sul-americano no circuito de El Pinar, na região metropolitana de Montevidéu, no Uruguai.