Filho de Niki Lauda vai homenagear o pai no Dakar

A memória de Niki Lauda, tricampeão de Fórmula 1, falecido em 20 de maio de 2019, estará mais pulsante do que nunca nos próximos dias. Seu filho, Lukas, prestará uma emocionante homenagem ao pai ao pilotar um buggy com a icônica pintura da McLaren utilizada por Niki na conquista de seu último título na F1, em 1984, na desafiadora e épica corrida do Dakar.

O carro não será a única peça a carregar o legado de Niki. Lukas utilizará também um capacete com as mesmas cores da temporada vitoriosa, inclusive com o lendário logo da Marlboro, resgatando a atmosfera das pistas dos anos 80.

A McLaren MP4/2 de 1984 não era apenas um carro, era uma máquina de conquistas. Com ela, Lauda e Alain Prost combinaram forças para vencer 12 Grandes Prêmios e garantir o título de construtores para a equipe britânica. Lauda sagrou-se campeão de pilotos naquele ano com cinco vitórias, superando Prost por apenas meio ponto, que obteve sete vitórias naquela temporada. Essa ainda é a menor diferença em uma disputa pelo título na história da Fórmula 1.

Para Lukas Lauda, esta será a primeira participação no Dakar. O filho de Niki, que por anos se dedicou à gestão esportiva, decidiu em 2022 abraçar o automobilismo como piloto. Seu talento já provou ser hereditário, e agora Lukas enfrenta o enorme desafio da corrida no deserto, carregando consigo a memória e o espírito de um dos maiores nomes da história da F1.