F1: Red Bull precisa melhorar com pneus macios, segundo Verstappen

Max Verstappen reconheceu que a Red Bull parece estar mais forte com os pneus médios neste final de semana do Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1, precisando melhorar o desempenho com os pneus macios.

O holandês terminou em quarto no TL1 e em sétimo no TL2, apesar de a Red Bull ainda não ter explorado todo o potencial do RB20. Verstappen poderia ter chegado mais perto do líder Lando Norris no segundo treino, se não tivesse escapado da pista na curva Copse, onde sofreu seu famoso acidente em 2021 após colidir com Lewis Hamilton.

Norris ficou quase sete décimos de segundo mais rápido que Verstappen, que afirmou após a sessão que a equipe de Milton Keynes precisa trabalhar para alcançar o mesmo nível. “Foi OK, eu só escapei um pouco”, disse Verstappen, questionado sobre sua saída de pista. “Então cancelei a volta. Com o pneu macio, não funcionou tão bem.”

“No TL2, o pneu médio pareceu um pouco melhor. Então ainda temos trabalho a fazer. Também testamos algumas coisas com o carro. Precisamos analisar o que podemos melhorar para amanhã, e isso vai nos mostrar qual caminho seguir. Provavelmente vai chover, então precisamos levar isso em conta”, acrescentou.

Apesar de Norris ter liderado o TL2 por três décimos à frente de Oscar Piastri, o fim de semana promete ser bem disputado no circuito de Silverstone.

Isso é exatamente o que Verstappen previu antes do início das atividades, já que ele ainda não mostrou seu verdadeiro potencial em uma volta rápida. No entanto, em relação à briga entre Red Bull e McLaren, Verstappen destacou a força da equipe de Woking no GP da Inglaterra no ano passado.

“Eu espero que seja bem acirrado”, disse Verstappen à imprensa. “Tivemos uma boa sessão de classificação na Áustria, e no geral, um fim de semana positivo, tirando o resultado da corrida. Mas ainda acho que a McLaren, assim como no ano passado, vai estar muito forte aqui”, completou o piloto holandês.