F1: Ocon diz que terá seu futuro definido “em breve”

Nesta segunda-feira (3), a Alpine anunciou que Esteban Ocon irá deixar a equipe após o final da temporada 2024 da Fórmula 1.

Ocon corre pela Alpine, antes conhecida como Renault, desde 2016, somando cinco temporadas completas com a equipe. Durante esse período, conquistou sua primeira vitória na F1, no GP da Hungria de 2021, além de outros dois pódios em Sakhir 2020 e Mônaco 2023.

O piloto francês de 27 anos tem sido especulado em diversas equipes para a próxima temporada, incluindo Mercedes, Haas, Williams e Sauber, que se tornará Audi a partir de 2026. Ocon aparece como um forte candidato na lista da Audi, caso a equipe não consiga contratar Carlos Sainz, atualmente na Ferrari.

Em entrevista recente, Ocon afirmou ainda se considerar um piloto júnior da Mercedes, gerando rumores de que ele possa substituir Lewis Hamilton em 2025.

Ocon agradeceu a Alpine e prometeu novidades ‘muito em breve’ sobre seu futuro: “Foram anos importantes da minha vida correndo pela Alpine na Fórmula 1. Apesar de cinco anos como piloto titular, minha carreira profissional começou em Enstone quando eu era adolescente. Será sempre um lugar especial para mim.”

“Tivemos grandes momentos juntos, mas também momentos difíceis. Sou grato a todos na equipe por esses tempos memoráveis. Anunciarei meus planos para o futuro em breve, mas no momento, meu foco total está em entregar bons resultados na pista e ter um final de temporada bem-sucedido”, encerrou o piloto francês.

A saída de Ocon deixa uma vaga ao lado de Pierre Gasly na Alpine para o próximo ano, e a equipe francesa já afirmou que sua dupla para 2025 também ‘será anunciada em breve’.