F1: Verstappen não comenta sobre investigação do caso Horner

Nesta quinta-feira foi realizada a apresentação do RB20 da Red Bull para a temporada 2024 da Fórmula 1, porém o que mais despertou a curiosidade, não foi o próprio RB20, mas sim a investigação sobre Christian Horner. O chefe da Red Bull Racing ainda responde a acusações de ‘comportamento inadequado’, e a equipe foi taxativa em relação ao assunto: nada de perguntas sobre o caso.

Durante um evento para a imprensa holandesa com Verstappen, a questão inevitável surgiu. Por que o piloto não comenta a investigação? É uma restrição da equipe? O holandês respondeu de forma indireta: “Tudo o que você disser sobre isso pode ser interpretado de uma determinada forma. Então, talvez seja melhor não dizer nada por enquanto”, afirmou Verstappen.

O próprio Horner também se pronunciou sobre a investigação, mas sem dar nenhum detalhe. O chefe da Red Bull se sente apoiado pela equipe e pela empresa matriz, a Red Bull GmbH. Horner afirmou que não poderia comentar sobre o assunto em andamento.

Com Verstappen em silêncio e a Red Bull controlando a narrativa, a incógnita sobre o destino de Horner continua. A situação cria um clima de tensão nos bastidores da equipe, que tenta se concentrar na disputa do campeonato enquanto enfrenta uma turbulência fora das pistas.