F1: Verstappen aponta erro da Red Bull em seu problema de freio na Austrália

Max Verstappen revelou na coletiva de imprensa do GP do Japão de Fórmula 1, que o problema de freio que causou seu abandono na Austrália foi um erro da Red Bull. O piloto holandês contou que, apesar de indícios na sexta-feira, a equipe não identificou a falha.

Em entrevista à imprensa holandesa, Verstappen foi ainda mais crítico: “Não foi um problema grande, mas é algo que precisa ser resolvido. Os procedimentos precisam mudar para evitar que isso se repita.”

O atual campeão parece determinado a deixar o revés para trás: “Eu entro no carro e se está bom, vou ao limite. É isso que vamos tentar fazer amanhã, passo a passo, para extrair tudo do RB20. Normalmente nosso carro é bom em curvas de alta, como as de Suzuka”, acrescentou.

Com o circuito japonês se adequando ao carro da Red Bull, Verstappen busca um bom resultado em Suzuka para seguir na liderança do campeonato. No entanto, o foco principal do piloto parece ser evitar que erros como o da Austrália se repitam.