F1: Sargeant afirma estar tranquilo na Williams

O piloto da Williams, Logan Sargeant, afirmou estar tranquilo na equipe, apesar dos rumores recentes de que seu lugar no grid da Fórmula 1 poderia estar ameaçado ainda durante a atual temporada.

Jovens talentos como Andrea Kimi Antonelli, piloto júnior da Mercedes, têm sido apontados como possíveis substitutos do americano. Sargeant, que estreou na categoria em 2023, vem sofrendo críticas de especialistas por conta de seu fraco desempenho.

Apesar da pressão, a Williams optou por manter Sargeant para a temporada 2024. No entanto, a escolha vem sendo muito questionada, e as suspeitas aumentaram após o GP da Austrália, onde Alex Albon assumiu o carro do americano, depois de ter danificado seu próprio chassi em um acidente nos treinos livres, o que deixou Sargeant fora daquela corrida.

Desde então, rumores sobre a saída de Sargeant intensificaram, com Antonelli ganhando força como possível substituto. Para piorar a situação, há indícios de que a FIA esteja analisando um pedido de exceção para a superlicença, permitindo que Antonelli entre na F1 antes dos 18 anos.

“Estou apenas fazendo meu trabalho da melhor maneira possível”, disse o piloto da Williams ao RacingNews365 quando questionado sobre como lida com a pressão dos rumores.

Sargeant negou que os comentários estejam se tornando uma distração: “Não, eu não diria isso. converso com James (Vowles, chefe da Williams) internamente, converso com meus empresários. Estou tranquilo”, afirmou, evitando revelar se recebeu garantias da equipe.

A especulação ganhou força no último fim de semana do GP de Miami, corrida caseira de Sargeant. Muitos cogitaram que poderia ser sua última prova na categoria, caso a exceção para superlicença de Antonelli fosse aprovada a tempo para Ímola.

No entanto, a expectativa é que esse cenário não se concretize. Vowles se manifestou publicamente para desmentir os rumores.

Apesar de negar a iminente saída de Sargeant, Vowles confirmou a existência de metas claras para que o americano diminua a diferença de performance em relação ao companheiro de equipe Alex Albon. O dirigente deixou claro que Sargeant precisa ‘lutar por seu lugar no grid’.