F1: Possível saída de Horner e Newey poderia fazer Verstappen repensar futuro na Red Bull

O futuro de Max Verstappen na Red Bull pode estar em xeque diante dos rumores em torno da possível saída de Christian Horner e Adrian Newey da equipe, afirmou o jornalista de Fórmula 1, Peter Windsor em seu último vídeo no YouTube. As repercussões da investigação envolvendo Horner podem desempenhar um papel crucial nesse cenário.

Windsor analisou extensivamente as notícias sobre as acusações contra Horner em seu vídeo mais recente. O ex-gerente da equipe Williams suspeita que Newey pode se aposentar caso Horner seja demitido da Red Bull. Windsor também expressou dúvidas sobre o futuro do piloto holandês.

“Se Christian sair, e digamos que Adrian não está tão interessado na Fórmula 1 como antes, qual será o impacto disso em Max e no desempenho do carro? Quando Ross Brawn e a equipe deixaram a Ferrari, o bom momento ainda continuou por um tempo e existe gente talentosa suficiente na Red Bull.”

“Mas, em termos de 2026 em diante e depois em 2028, quando haverá mais mudanças significativas de regulamentos, Max pode estar pensando: ‘Será que esta é a mesma Red Bull que eu conheço e amo?’ E de repente, Max pode pensar se há algo melhor lá fora,” concluiu Windsor.

Embora Verstappen tenha contrato com a Red Bull Racing até 2028, o piloto holandês já expressou incertezas sobre seu futuro na F1. Diante dessas mudanças, Verstappen pode repensar sua permanência na equipe e até mesmo na categoria.