F1: Marko defende Perez após colisão no GP do México

A expectativa em torno do piloto mexicano Sergio Perez estava alta para o Grande Prêmio do México. Em uma corrida que prometia ser o auge de sua temporada na Fórmula 1, Perez almejava brilhar diante de sua torcida local e desafiar os líderes. No entanto, seu sonho foi interrompido logo na primeira curva. Apesar da decepção, Helmut Marko, da Red Bull Racing, expressou seu apoio ao piloto após o incidente.

Marko, ao avaliar o ocorrido, descreveu o incidente como uma situação de corrida, onde Perez estava por fora e Leclerc por dentro. “Era uma situação de corrida. Não dá para culpar ninguém por isso”, afirmou Marko, reconhecendo, no entanto, o peso da perda de pontos para Hamilton no campeonato. Se não fosse pela eliminação do piloto da Mercedes no GP de Austin, a diferença entre os pilotos seria ainda menor.

O conselheiro da Red Bull destacou a performance de Perez durante o fim de semana no México, até o momento de sua eliminação. Ele estava confiante no potencial do piloto para essa corrida. “Até aquela primeira volta, ele estava fazendo uma corrida excepcional. Estou convencido de que ele teria chegado ao pódio”, afirmou o austríaco de 80 anos.

Enquanto isso, sobre a atuação de Max Verstappen, Marko não poupou elogios. Ele acredita que, se não fosse pela bandeira vermelha, o piloto holandês poderia ter ampliado ainda mais sua vantagem. “Nós ainda estávamos considerando uma estratégia de duas paradas nos boxes, e acredito que, sem a bandeira vermelha, isso teria sido ainda mais vantajoso para nós, resultando em uma liderança ainda maior”, concluiu Marko.