F1: Mais um final de semana decepcionante para a Alpine

A Alpine teve mais um final de semaa decepcionante, dessa vez no GP da Arábia Saudita de Fórmula 1. Esteban Ocon ainda conseguiu entrar em algumas disputas, mas terminou a corrida em P13. Já Pierre Gasly teve que abandonar no final da primeira volta com problemas de câmbio em seu carro.

Bruno Famin, chefe da equipe: “Dissemos que seria um início de temporada difícil e foram primeiras semanas muito difíceis com o teste de pré-temporada e dois GPs. Mesmo que tenhamos atualizações chegando, precisamos entender nossa falta de desempenho. E hoje temos que investigar o problema da caixa de câmbio, que custou a Pierre um valioso tempo de pista. Só há uma coisa que podemos fazer e que é continuar a trabalhar arduamente todos juntos, para melhorar a situação atual em que nos encontramos. Crédito às fábricas de Enstone e Viry e à equipe de pista por sua mentalidade fantástica e tenacidade para melhorar rapidamente nosso nível de desempenho atual. Próxima parada, Austrália”, concluiu.

Ocon: “Realisticamente, é tudo o que poderíamos alcançar na corrida de hoje. Para nós, aproveitamos como mais uma oportunidade de aprender mais sobre o carro. Houve algum caos no início, então fizemos bem em nos manter limpos e capitalizar algumas posições. Houve alguns momentos de disputas roda a roda, o que foi bom em alguns momentos. Só não somos rápidos o suficiente para marcar pontos e é aí que estamos neste momento. Vamos manter a cabeça erguida e continuar trabalhando para encontrar desempenho. Irei para Enstone esta semana e estou ansioso para ver todos lá e coletivamente trabalhando duro para melhorar nossa situação atual. A Austrália é a nossa próxima oportunidade e estou ansioso por ela”, acrescentou.

Gasly: “Obviamente foi um dia decepcionante para nós em Jeddah. Tivemos um problema na caixa de câmbio na volta de apresentação, onde perdemos a sexta marcha e depois perdemos a sincronização de todas as outras marchas, então tive que abandonar depois da primeira volta da corrida. Temos que investigar por que isso aconteceu, pois nos custou um tempo valioso de pista hoje. É decepcionante para toda a equipe, pois todos estão trabalhando muito, trazendo boas energias durante todo o fim de semana, mas as coisas simplesmente não estão indo do nosso jeito. Não é fácil no momento, mas precisamos manter a cabeça erguida e continuar trabalhando para encontrar o desempenho que nos falta. Vamos ficar juntos e ir para a Austrália prontos para tentar novamente”, finalizou o piloto francês.

O F1MANIA.NET acompanha ‘in loco’ o GP da Arábia Saudita com o jornalista Rodrigo França direto de Jeddah.