F1: Horner acredita em maior concorrência na próxima temporada

Após uma temporada dominante na Fórmula 1 em 2023, a Red Bull está se preparando para enfrentar um grid mais equilibrado em 2024. O chefe da equipe, Christian Horner, acredita que a estabilidade nos regulamentos e o trabalho duro dos rivais levarão a uma concorrência mais acirrada.

“Com regulamentos estáveis, esperamos menores retornos para nós, porque acho que chegamos ao topo da curva mais rápido que os outros”, disse Horner ao F1.com. “O grid vai convergir. Para nós, é difícil saber quem será. Será McLaren? Ferrari? Mercedes? Continua mudando atrás de nós. Mas é isso que esperamos para este ano.”

Muitas equipes mudaram seus conceitos de carro para o efeito de sidepods de downwash, que a Red Bull tinha no início do ciclo de regulamentos em 2022. A equipe mal fez atualizações significativas no RB19 ao longo do ano, mas Horner espera que muitas equipes tenham feito desenvolvimentos baseados em seu carro para os desafiantes de 2024.

Horner afirmou: “Há sempre uma reinicialização quando você entra no ano seguinte. Estou convencido de que você verá muito mais carros que se parecem com a filosofia do RB19 em 2024. Se você ficar parado nesse negócio, tende a retroceder. Acho que subimos essa curva mais rápido que os outros, mas estamos em uma lei de rendimentos decrescentes.”

Os primeiros carros de 2024 devem ser apresentados no início do próximo mês, com a Red Bull sendo a última equipe em 15 de fevereiro. A expectativa é que o RB20 seja uma evolução do carro dominante do ano passado, mas que precise enfrentar uma concorrência mais forte na pista.