F1: Haas busca ascensão no campeonato com novo chefe de equipe

Ayao Komatsu, promovido recentemente a chefe de equipe da Haas, expressou seu objetivo de tirar a equipe americana da última posição no campeonato de construtores da Fórmula 1 em 2024. Após a surpreendente demissão de Gunther Steiner, o proprietário da equipe, Gene Haas, expressou descontentamento com o desempenho da equipe em 2023, considerando-o “embaraçoso”.

Komatsu, anteriormente chefe de engenharia da equipe, destacou que Haas tem capacidade para competir no meio do grid. O objetivo para 2024 é alcançar a oitava posição geral, superando equipes como Sauber, Alpha Tauri ou Williams. Embora modesto, esse objetivo é significativo dadas as limitações de orçamento e sistema da Haas em comparação com essas equipes.

O novo chefe de equipe reconhece que a temporada de 2024 será um período de transição, com foco em melhorar resultados enquanto promove mudanças internas. Apesar de não esperar um início forte devido ao atraso no desenvolvimento do carro para a temporada, Komatsu enfatiza a importância de avaliar completamente o carro durante os testes de pré-temporada para encontrar a direção certa para o desenvolvimento.