F1: Ferrari surpresa com 4º lugar de Leclerc no Bahrein

O chefe da equipe Ferrari, Frederic Vasseur, admitiu que a equipe ficou surpresa com o fato de Charles Leclerc ter conseguido o quarto lugar no GP do Bahrein de Fórmula 1, apesar de um grave problema no freio.

Leclerc largou em segundo e manteve a posição inicialmente, mas enfrentou dificuldades para frear o carro, principalmente na curva 10, à esquerda e em descida.

O piloto monegasco perdeu uma posição para George Russell antes de ser ultrapassado por Sergio Perez da Red Bull e Carlos Sainz, seu companheiro de equipe na Ferrari, o que o rebaixou para o quinto lugar.

Leclerc aproveitou um erro de Russell para recuperar uma posição, mas lamentou que o segundo lugar fosse possível sem o problema ‘impossível’ de se pilotar.

A Ferrari revelou que Leclerc enfrentou uma diferença de 100 graus nas temperaturas do freio dianteiro, com Vasseur admitindo que foi inesperado ele ter conseguido segurar o quarto lugar.

“Tivemos uma grande diferença na temperatura do freio dianteiro e não foi algo controlável dentro do carro”, disse Vasseur. “Isso significa que ele teve que sofrer assim nas primeiras 20 voltas. Então, em um determinado momento, o problema diminuiu e ele conseguiu ter um ritmo decente na parte final da corrida”, concluiu.