F1: Engenheiro da Red Bull prefere manter cautela por enquanto

A Red Bull entra em cena no GP do Bahrein nesta quinta-feira (29) com o RB20, carro que carrega a expectativa de manter a equipe na liderança da Fórmula 1. Após um 2023 dominante, onde conquistaram os títulos de pilotos e construtores, a cautela marca o discurso do chefe de engenharia da equipe, Paul Monaghan.

“Podemos colocar mais downforce no carro se quisermos, mas será que ele se comportará bem na pista? Nosso objetivo é ter uma plataforma para trabalhar o tempo de volta, não necessariamente um número impressionante de downforce”, afirmou Monaghan ao GPblog, comparando a estratégia atual à de 2022.

Apesar do otimismo em relação ao progresso do carro, Monaghan evita afirmar que a Red Bull manterá a vantagem sobre os concorrentes: “Eles podem estar mais rápidos do que nós. Seria um erro nos acomodarmos. Tentamos dar um passo significativo com o novo carro, mas é preciso esperar para ver se será o suficiente”, concluiu o engenheiro.