F1: Depoimentos do caso Horner na Red Bull serão na sexta-feira

A situação de Christian Horner na Red Bull pode se esclarecer em breve. Segundo a revista alemã Auto, Motor und Sport (AMuS), as partes envolvidas na investigação sobre acusações de comportamento impróprio contra o chefe de equipe, serão ouvidas internamente na própria Red Bull no Reino Unido, já na próxima sexta-feira, 09 de fevereiro.

Horner está sob investigação interna desde que acusações contra ele vieram à tona. A Red Bull confirmou a investigação e garantiu que o caso está sendo levado muito a sério. Uma decisão sobre o futuro do chefe da equipe na Fórmula 1 pode sair em breve.

De acordo com a AMuS, conhecida por fontes confiáveis na Fórmula 1, os questionamentos ocorrerão no Reino Unido na sexta-feira, dia 09 de fevereiro. Caso os investigadores externos contratados pela própria Red Bull concluam que as acusações impedem que Horner continue como chefe da equipe, a Red Bull Racing precisará encontrar um substituto.

Ainda não está claro se esse será o caso. Horner nega veementemente as acusações, e segundo relatos, está indignado com a origem desss afirmações, que teriam relação com uma funcionária da equipe. Além da investigação em curso, isso parece ser mais um sinal de uma possível luta interna pelo poder dentro da Red Bull Racing.

É importante ressaltar que as acusações contra Horner ainda estão sob investigação e não foram comprovadas até o momento. A notícia se baseia em informações da imprensa especializada e não deve ser interpretada como uma condenação antecipada.