F1: Chefe da Williams explica decisão de retirar Sargeant do GP da Austrália

A Williams optou por retirar Logan Sargeant do restante do final de semana GP da Austrália de Fórmula 1, para dar a Alex Albon a chance de marcar pontos para o time. O chefe da equipe, James Vowles, explicou a difícil decisão, baseada na busca por melhores resultados.

Um forte acidente de Albon no TL1 danificou severamente o chassi do carro do tailandês-britânico. Sem tempo hábil para reparos nesse chassi, e como a Williams não levou um chassi reserva para a Austrália, a equipe precisou escolher qual piloto iria correr no GP.

Apesar de acreditar em Sargeant, Vowles justificou a escolha por Albon. O tailandês somou 27 pontos na temporada passada, enquanto o americano marcou apenas um. Além disso, Albon vem apresentando desempenho superior novamente em 2024, e por isso tem maior probabilidade de marcar pontos para a equipe em Melbourne.

Vowles reconheceu a dificuldade da decisão e elogiou o profissionalismo de Sargeant. O chefe da Williams ressaltou o apoio ao piloto para superar esse revés e buscar bons resultados nas próximas corridas.