Tessaro abandona, mas é campeão da F4 Brasil. Zucchini vence primeira em Interlagos

Vinicius Tessaro é o grande campeão da temporada 2023 da Fórmula 4 Brasil. Apesar de abandonar a corrida 2 ainda na primeira volta, conseguiu colocar as mãos no caneco deste campeonato neste sábado (16). Lucca Zucchini domina de ponta a ponta para vencer a primeira em Interlagos.

Para a segunda corrida do final de semana no autódromo paulista, quem alinhou na pole-position foi Lucca Zucchini. Quem dividia a primeira fila com o competidor era Rafaela Ferreira, enquanto Vinicius Tessaro, com chances de ser campeão, largou em oitavo.

Inclusive, para Tessaro ser coroado ainda neste sábado, era bastante simples: o piloto precisaria terminar apenas na sétima colocação, portanto, ganhar apenas um posto em relação a sua posição de saída.

Diferente da parte da manhã, o tempo em Interlagos já estava bastante mais encoberto e fresco. O sol estava escondido atrás de nuvens carregadas, mas ainda sem chance de chuva.

Luzes apagadas e enquanto Zucchini conseguia se manter na ponta, Rafa começou a lidar com a pressão de Alvaro Cho. O competidor da TMG Racing colocou por fora para tomar para si a segunda colocação do pelotão. Na sequência, foi a vez de Matheus Comparatto consumando a passagem e se colocando em terceiro.

Enquanto isso, mais para trás, Tessaro sofreu um golpe em sua campanha para conseguir o título. Ainda no primeiro giro, Vinicius recebeu um toque na traseira e rodou, abandonando a prova, mas ainda podendo ser campeão mesmo estando parado.

O líder da classificação foi aos boxes e, na sequência, o carro de segurança se fez necessário à frente do pelotão. A ordem estava com Zucchini em primeiro, com Cho, Comparatto, Ferreira e Luan Lopes completando as cinco primeiras posições.

Corrida recomeçada em Interlagos e Alvaro estava na cola de Zucchini tentando assumir a primeira colocação. Vale lembrar que Cho também era um dos postulantes ao título.

Mais atrás, no mergulho do Laranjinha, Rafaela conseguiu consumar a ultrapassagem em cima de Comparatto e se colocou na terceira colocação, beliscando o degrau mais baixo do pódio.

Na décima volta, a ordem era Lucca na primeira colocação, enquanto Cho estava a apenas 0s256 do ponteiro do pelotão. Ferreira vinha para completar o pódio, com Comparatto e João Tesser completavam o top-5.

Bandeira quadriculada e de maneira impressionante, Zucchini não apenas garante a primeira vitória na Fórmula 4 Brasil como Rafaela se torna a primeira mulher a conseguir um pódio na categoria. Cho termina na segunda colocação.

Com o resultado, mesmo abandonando após a primeira volta, Tessaro garantiu o título da temporada 2023 da Fórmula 4 Brasil, além de a Cavaleiro Sports levar o título de equipes.