Nobels toma ponta na largada e vence corrida 2 da F4 Brasil no Velocitta

Ethan Nobels é o mais novo vencedor da Fórmula 4 Brasil. Na corrida 2 do final de semana no Velocitta, feita no fim da tarde deste sábado (23), o piloto saltou para a ponta ainda na largada para garantir o degrau mais alto do pódio.

Para a segunda corrida do final de semana, o tempo seguia encoberto em Mogi Guaçu. Enquanto o termômetro marcava 21ºC e o asfalto chegava a 27ºC, a umidade estava na casa dos 79% e a chance de chuva estava em torno de 38%.

Pilotos liberados para a volta de instalação e para a pole-position, após a inversão do grid do resultado da corrida 1, Ciro Sobral é quem puxa a fila, com Rogério Grotta, Cecila Rabelo e Ethan Nobels completando as duas primeiras filas de saída.

Álvaro Cho, vencedor da primeira prova, largaria da oitava posição. Entretanto, com problemas, todo o pelotão passou pelo piloto da TMG Racing e, portanto, vai ter de sair do fundo do grid.

Luzes apagadas e saída autorizada no Velocitta. Na ponta, Nobels vinha por fora e após um belo bote, conseguiu consumar a ultrapassagem para assumir a liderança, enquanto Grotta também tentava se adiantar no pelotão. Enquanto isso, Favarete não conseguiu sair do lugar e bandeira amarela, seguida de safety-car, foi necessário.

Após a primeira volta, a ordem na pista estava com Ethan em primeiro, seguido por Sobral, Rabelo, Grotta e Rafaela Ferreira completando as cinco primeiras colocações.

Carro de segurança recolheu e a relargada foi autorizada no circuito em Mogi Guaçu. Nobels conseguiu manter a primeira posição, enquanto Ciro estava a 0s6 do ponteiro. Mais atrás, Grotta tentou por dentro no trecho de subida, mas sem sucesso, e Matheus Comparatto vinha nas tentativas de ultrapassagem em cima de Rafa.

Outra briga que estava pegando fora era pela sexta colocação. Lucca Zucchini deu a investida em cima de Ferreira e após alguma insistência, conseguiu deixar a adversária da TMG Racing para trás e tomar o posto.

Com cinco voltas feitas, Nobels estava na ponta com 0s751 de respiro para Sobral, segundo. Rabelo, Grotta, Cho, Zucchini, Ferreira, Comparatto, Trappa e Souza completavam o top-10.

Álvaro vinha escalando o pelotão e em uma ultrapassagem dupla no setor 2, assumiu a terceira colocação. O competidor largou da 12ª, e última, colocação do pelotão e a 9s do primeiro colocado.

Após uma primeira aproximação, Sobral estava perdendo terreno para Nobels. O competidor já havia aberto um respiro de 2s1 para o segundo colocado – Cho, Rabello e Grotta completavam os cinco primeiros colocados com menos de 3 minutos para a quadriculada.

Bandeira quadriculada e mais nenhuma mudança no pelotão. Em apenas sua segunda corrida no grid da Fórmula 4 Brasil, Ethan Nobels garante sua primeira vitória. Sobral e Cho, que largou em último, completam o pódio desta tarde nublada no Velocitta.