“Laboratório para pilotos”, Velocitta recebe terceira etapa da Fórmula 4 Brasil

A Fórmula 4 Brasil retorna no próximo final de semana, entre os dias 27 e 30 de junho, ao Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, interior do estado de São Paulo. A pista que foi palco da abertura da temporada 2024, em março, e presenciou vitórias de Alvaro Cho, Ethan Nobels e Matheus Comparatto, agora recebe a terceira etapa do ano.

A experiência na primeira rodada disputada no Velocitta esse ano foi de muito aprendizado para os pilotos, que precisaram enfrentar condições de chuva forte, algo novo até mesmo para quem já estava na categoria. Para os novatos, como Ciro Sobral, da TMG, o desafio enfrentado no autódromo interiorano ajudou a ganhar confiança.

“Eu acho que foi uma experiência crucial em meio a tantas outras que tivemos naquele final de semana. Foi minha primeira corrida na chuva, e saí de décimo para quinto. Acho que aquela prova me deu mais experiência e conhecimento sobre o carro da Fórmula 4 e sobre como os pneus se comportam em condição de chuva pesada, o que me deixa mais confiante se tivermos mais corridas na chuva”, declarou Sobral.

A pista, percorrida em sentido anti-horário, está presente no F-4 Brasil desde o nascimento do campeonato, em 2022, e é considerada por pilotos e chefes de equipe como um ponto importante na missão da categoria-escola de extrair o melhor dos competidores, explorando seus pontos fortes e também mostrando os aspectos que cada um precisa melhorar.

“O Velocitta é uma pista muito seleta e complexa. A gente brinca que tem de tudo um pouco”, pontua Breno Borges, chefe da Cavaleiro Sports. “Tem freada na descida, na subida, curva média, curva de alta, curva aberta, abrange de tudo! Então, para o piloto, é muito boa para ajudar no desenvolvimento e, como tem poucas retas, o carro trabalha bem.”

Fórmula 4 Brasil, temporada 2024
Campeonato após duas etapas (top-10):
1º – Matheus Comparatto, 88
2º – Ethan Nobels, 60
3º – Rafaela Ferreira, 60
4º – Rogério Grotta, 52
5º – Gino Trappa, 51
6º – Ciro Sobral, 46
7º – Lucca Zucchini, 42
8º – Alvaro Cho, 40
9º – Filippo Fiorentino, 33
10º – Cecília Rabelo, 26