F4 Brasil: Matheus Ferreira e Alexandre Machado levam OAKBERRY Bassani F4 ao lugar mais alto do pódio na preliminar do GP São Paulo da Fórmula 1

Neste sábado a OAKBERRY Bassani F4 venceu a primeira corrida da história da Fórmula 4 Brasil como preliminar do GP São Paulo de Fórmula 1, com o piloto Matheus Ferreira. Alexandre Machado também subiu no lugar mais alto do pódio entre os Rookies após realizar seis ultrapassagens para escalar o pelotão.

Na largada Matheus Ferreira avançou uma posição e era o terceiro colocado. Matheus Comparatto que largava no sétimo posto ficou parado no grid e foi acertado por um concorrente, abandonando a corrida.

Alexandre Machado fez uma largada espetacular e era o quarto colocado após avançar sete posições na primeira volta. Arthur Pavie que largou no nono lugar tentava a recuperação e era oitavo.

Na sequência Matheus Ferreira mostrou muita velocidade e assumiu o segundo lugar com uma excelente ultrapassagem no “S”do Senna. Pavie escalava o grid e com boa recuperação era o quinto colocado faltando dez minutos para o final.

Neste momento o safety car foi acionado após acidente de dois pilotos na reta oposta.  Faltando oito minutos para o fim aconteceu a relargada, Matheus Ferreira fez uma manobra espetacular e assumiu a liderança com uma ultrapassagem por fora no “S” do Senna sobre Vinicius Tessaro.

O fim de prova foi tumultuado, Pavie abandonou após ter um pneu furado. Já Alexandre Machado tinha uma disputa dura pelo quarto posto com Fefo Barrichello, o piloto goiano recebeu a bandeira quadriculada em quinto sendo o vencedor entre os rookies.

Matheus Ferreira abriu quase um segundo de vantagem para o 2º colocado nas voltas finais e cruzou a linha de chegada na primeira posição. O piloto que faz parte da Alpine Academy competiu pela primeira vez na categoria.

O próximo compromisso da equipe OAKBERRY Bassani F4 acontece neste sábado, às 17 horas, com a segunda prova da quinta etapa. A corrida será transmitida ao vivo pelo Bandsports.

 

O que eles disseram:

“Foi uma corrida muito emocionante desde a primeira volta, quando recebi um toque mas consegui me manter em segundo. Depois foram dois safety-cars e fiquei bastante concentrado. Sempre tem o gostinho de fazer a corrida em casa e ganhar depois de algum tempo é especial. Nem tenho palavras para descrever o que estou sentindo agora”

Matheus Ferreira
 

“Não podia ser mais louco… Além do diferencial do público, de correr esse evento gigante, a largada foi insana. Passei perto de bater algumas vezes, foram muitas disputas e o carro não era tão bom. Mas deu para jogar defensivo e ganhar no Rookie. O primeiro troféu neste evento é especial”

Alexandre Machado