Realdrive GT3 Pro: Pedro Burger surpreende com vitórias na abertura em Daytona

Realdrive GT3 Pro 2024/3 @ Daytona

Em um grid de altíssimo nível, o Realdrive GT3 Pro apresentou sua abertura de campeonato nesta quinta-feira (27), com duas corridas excepcionais no circuito misto de Daytona, e mesmo com todo equilíbrio mostrado, Pedro Burger (Aclat Racing) foi o vitorioso em ambas as provas.

A Feature Race teve um trio disputando, sendo a Aclat Racing quem ficou com a dobradinha entre Pedro Burger e Paulo Godoi, enquanto Caio Gaspar, pole na classificação, finalizou em terceiro. A Sprint Race só mudou os outros dois degraus do pódio, com Emanuel Santos e Lucas Bueno, dupla da AC7 e-Racing Team, sendo Lucas o vitorioso na PROAM.

Com uma rodada dupla completada, a liderança na tabela é de Pedro Burger com 105 pontos, a frente de Caio Gaspar (93) e Emanuel Santos (92), neste novo sistema de pontuação. Na PROAM, Lucas Bueno (83) é líder em relação a Luis Miranda (55) e Israel Barbosa (51). Entre as escuderias, AC7 e-Racing Team (227), Aclat Racing (215), e Veneziano Racing (205)) começaram bem suas campanhas.

Na classificação, Caio Gaspar marcou a melhor volta para garantir a posição de honra, tendo ao seu lado na primeira fila Pedro Burger. No Top 5, apareceram também Emanuel Santos, Paulo Godoi, e Vinicius Neto, estes a frente de Daniel Meyer, Alexandre Paumgartten, Carlos Junior, Leo Papst, e Leo Souza. Confira a seguir a ordem completa de largada.

Classificação
1 Caio Gaspar (Veneziano Racing), 1:45.088
2 Pedro Burger (Aclat Racing), 1:45.164
3 Emanuel Santos (AC7 e-Racing Team), 1:45.296
4 Paulo Godoi (Aclat Racing), 1:45.298
5 Vinicius Neto (Full Cabare Racing), 1:45.384
6 Daniel Meyer (Bug Esports), 1:45.432
7 Alexandre Paumgartten (Melissa Competicoes), 1:45.457
8 Carlos Junior (Grip Racing), 1:45.458
9 Leonardo Papst (BraClean e-Sports Racing), 1:45.481
10 Leo Souza (Grip Racing), 1:45.482
11 Samuel Marques (AC7 e-Racing Team), 1:45.538
12 Lucas Mind (Bug Esports), 1:45.550
13 Luis Foguete (Veneziano Racing), 1:45.552
14 Lucas Bueno (AC7 e-Racing Team), 1:45.591
15 Leandro Piassi (Aclat Racing), 1:45.599
16 Sergio Montazzolli (Scuderia Foratto), 1:45.616
17 Leonardo Simas (Independente), 1:45.713
18 Israel Barbosa (Melissa Competicoes), 1:45.726
19 Alvaro Rocha (Melissa Competicoes), 1:45.768
20 Gustavo Veneziano (Veneziano Racing), 1:45.769
21 Flavio Felicio (Grip Racing), 1:45.835
22 Paulo Tadeu (Full Throttle eSports), 1:45.844
23 Felipe Dacosta (Ancora Insurance Racing), 1:45.936
24 Junior Cardoso (Melissa Competicoes), 1:45.937
25 Luis Miranda (Melissa Competicoes), 1:45.946
26 Carlos Araujo (Full Throttle eSports), 1:46.007
27 Japa Novela (Demolidores Racing), 1:46.049
28 Allan Rizzotti (Demolidores Racing), 1:46.081
29 Fabiano Renno (BlueMacaw eMotorsports), 1:46.100
30 Lucas Caneda (Bug Esports), 1:46.137
31 Raul Foratto (Scuderia Foratto), 1:46.228
32 Emerson Cabral (A Fabrica Racing), 1:46.297
33 Clayton Fidelis (Independente), 1:46.327
34 Gustavo Aureliano (Bengutan Racing), 1:46.378
35 Felipe Faria (Grip Racing), 1:46.415
36 Felipe Zubko (A Fabrica Racing), 1:46.840
37 Sidney Rogerio (Full Throttle eSports), 1:46.925
38 Deivid Lopes (Freetura Racing), 1:47.022
39 Bruno Canovas (F1APS Racing Team), sem tempo

Caio largou bem, e segurou a liderança até a quarta volta, quando foi ultrapassado por Pedro Burger. A fila se formava com Godoi, Paumgartten e Neto, já que Emanuel Santos caiu de terceiro para o sexto posto.

Rapidamente os destaques surgiam, como Lucas Bueno, que saiu do 14º lugar no grid e aparecia em sétimo, e mesmo Alvaro Rocha, do 19º ao 10º lugar, já de olho na inversão de grid. Emerson Cabral saiu do fundão: de 32º para 22º.

A disputa na PROAM parecia sob controle de Bueno, quinto colocado no geral, e observando seu rival mais próximo, Daniel Meyer, em oitavo, além de Leo Papst, em 12º na ordem. Mas claro, este é apenas o começo da competição.

Os primeiros abandonos foram de Felipe Zubko, Paulo Tadeu, Carlos Junior, e Allan Rizzotti, que se envolveram em acidentes ainda no início.

Na volta 12, Caio retomou a ponta sobre Pedro, e o pelotão era digno de NASCAR, com menos de 10 segundos separando o líder do 18º colocado.

Logo após o pit stop de Gaspar, a dupla da Aclat passou a fazer a estratégia do bump draft – o empurrão em reta – com Godoi liderando sobre Burger, e eles chegando a virar o mesmo exato tempo de volta, abrindo dois segundos em relação a Emanuel Santos.

No retorno das paradas dos novos líderes, Burger apareceu na frente e Gaspar dividiu com Godoi na disputa para ficar em segundo. Santos, Neto, Paumgartten, e Bueno seguiam colados nos líderes, resultando em uma belíssima corrida.

Ao final, Pedro Burger e Paulo Godoi conseguiram unir forças para cruzarem praticamente juntos a linha de chegada, em dobradinha da Aclat Racing. Caio Gaspar completou o pódio.

Emanuel Santos e Vinicius Neto foram ao Top 5, seguidos por Lucas Bueno – vencedor PROAM -, Alexandre Paumgartten, Alvaro Rocha, Lucas Mind, e Leonardo Simas, que formaram o grupo dos 10 que se inverteriam no grid seguinte.

Bateria 1 – Final, 40 minutos
1 Pedro Burger (Aclat Racing), 23 Laps
2 Paulo Godoi (Aclat Racing), -00.065
3 Caio Gaspar (Veneziano Racing), -00.919
4 Emanuel Santos (AC7 e-Racing Team), -02.529
5 Vinicius Neto (Full Cabare Racing), -02.538
6 Lucas Bueno (AC7 e-Racing Team), -03.190
7 Alexandre Paumgartten (Melissa Competicoes), -07.742
8 Alvaro Rocha (Melissa Competicoes), -10.931
9 Lucas Mind (Bug Esports), -12.577
10 Leonardo Simas (Independente), -12.802
11 Gustavo Veneziano (Veneziano Racing), -12.935
12 Carlos Araujo (Full Throttle eSports), -18.591
13 Sergio Montazzolli (Scuderia Foratto), -18.869
14 Israel Barbosa (Melissa Competicoes), -20.484
15 Luis Miranda (Melissa Competicoes), -25.775
16 Samuel Marques (AC7 e-Racing Team), -26.066
17 Junior Cardoso (Melissa Competicoes), -31.623
18 Emerson Cabral (A Fabrica Racing), -31.899
19 Luis Foguete (Veneziano Racing), -32.018
20 Gustavo Aureliano (Bengutan Racing), -37.366
21 Daniel Meyer (Bug Esports), -38.943
22 Sidney Rogerio (Full Throttle eSports), -39.435
23 Leandro Piassi (Aclat Racing), -22.138 [+20s]
24 Clayton Fidelis (Independente), -47.869
25 Fabiano Renno (BlueMacaw eMotorsports), -49.460
26 Flavio Felicio (Grip Racing), -56.727
27 Leonardo Papst (BraClean e-Sports Racing), -1:19.536
28 Raul Foratto (Scuderia Foratto), -1:19.529 [+5s]
29 Felipe Dacosta (Ancora Insurance Racing), -1:24.886
30 Japa Novela (Demolidores Racing), -1:42.216
31 Lucas Caneda (Bug Esports), -1:42.384
32 Felipe Faria (Grip Racing), +1 laps
33 Leo Souza (Grip Racing), +1 laps
34 Deivid Lopes (Freetura Racing), +6 laps
35 Allan Rizzotti (Demolidores Racing), +6 laps
36 Paulo Tadeu (Full Throttle eSports), +6 laps
37 Felipe Zubko (A Fabrica Racing), +7 laps
38 Carlos Junior (Grip Racing), Abandono (3)
39 Bruno Canovas (F1APS Racing Team), Abandono (0)
Volta mais rápida: Caio Gaspar, 1:45.017

Na Sprint Race, Leo Simas, Lucas Mind e Viniicus Neto pegaram os três primeiros lugares e já começaram ali mesmo a briga pela ponta, enquanto Alvaro Rocha aparecia em quarto, e Pedro burger aproveitou a bobeira dos adversários para pular para o quinto posto.

Caio Gaspar por sua vez teve um ‘slow down’ e perdeu tempo e posições preciosas em uma corrida de 20 minutos. Mas em linhas gerais a prova teve mais um início de alto nível – e até o final se mostrou assim, com apenas sete pilotos abandonando o percurso.

No campo das recuperações, Carlos Junior mesmo levando uma traulitada, saiu de 38 º e fechou em 22º, e Allan Rizzotti de 35º finalizou em 18º geral.

Ao final, Pedro Burger segurou a pressão de Emanuel Santos para vencer duas na noite, ganhando moral na briga pelo troféu. Lucas Bueno por sua vez marcou o destaque absoluto na classe PROAM, fechando em terceiro.

Lucas Mind e Caio Gaspar foram ao Top 5, seguidos por Alvaro Rocha, Gustavo Veneziano, Luis Miranda, Samuel Marques, e Luis Foguete.

Bateria 2 – Final, 20 minutos
1 Pedro Burger (Aclat Racing), 12 Laps
2 Emanuel Santos (AC7 e-Racing Team), -00.957
3 Lucas Bueno (AC7 e-Racing Team), -02.945
4 Lucas Mind (Bug Esports), -03.128
5 Caio Gaspar (Veneziano Racing), -03.153
6 Alvaro Rocha (Melissa Competicoes), -06.249
7 Gustavo Veneziano (Veneziano Racing), -09.094
8 Luis Miranda (Melissa Competicoes), -09.607
9 Samuel Marques (AC7 e-Racing Team), -09.795
10 Luis Foguete (Veneziano Racing), -10.078
11 Junior Cardoso (Melissa Competicoes), -14.781
12 Emerson Cabral (A Fabrica Racing), -17.678
13 Gustavo Aureliano (Bengutan Racing), -17.927
14 Israel Barbosa (Melissa Competicoes), -21.056
15 Leandro Piassi (Aclat Racing), -21.948
16 Leonardo Papst (BraClean e-Sports Racing), -22.356
17 Daniel Meyer (Bug Esports), -23.178
18 Allan Rizzotti (Demolidores Racing), -25.410
19 Japa Novela (Demolidores Racing), -28.738
20 Flavio Felicio (Grip Racing), -29.241
21 Sergio Montazzolli (Scuderia Foratto), -29.612
22 Carlos Junior (Grip Racing), -30.328
23 Felipe Faria (Grip Racing), -33.559
24 Fabiano Renno (BlueMacaw eMotorsports), -37.948
25 Felipe Dacosta (Ancora Insurance Racing), -37.962
26 Leonardo Simas (Independente), -42.200
27 Clayton Fidelis (Independente), -46.981
28 Paulo Tadeu (Full Throttle eSports), -30.528 [+20s]
29 Lucas Caneda (Bug Esports), -55.866
30 Vinicius Neto (Full Cabare Racing), -38.894 [+20s]
31 Paulo Godoi (Aclat Racing), -1:08.579
32 Sidney Rogerio (Full Throttle eSports), -1:31.787
33 Carlos Araujo (Full Throttle eSports), +1 laps
34 Alexandre Paumgartten (Melissa Competicoes), +1 laps
35 Felipe Zubko (A Fabrica Racing), +5 laps
36 Leo Souza (Grip Racing), +6 laps [+5s]
37 Raul Foratto (Scuderia Foratto), Abandono (2) [+40s]
38 Deivid Lopes (Freetura Racing), Abandono (2)
39 Bruno Canovas (F1APS Racing Team), Abandono (0)
Volta mais rápida: Caio Gaspar, 1:44.734

O Realdrive GT3 Pro terá sua próxima etapa no dia 11 de julho às 22h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na EllevenTV.

O F1BC Esports tem parcerias oficiais com BMW, MINI, Heineken, Realdrive, Grid Experience Club, CriaPubli, Curva 7, M7Help, AMIKA, MonteCapri, Elleven TV, F1 Mania, Aliança Contra Incêndio, e F1 Brasil.