F1: Verstappen lidera 75% das voltas em 2023

Chega a ser repetitivo dizer que a temporada 2023 foi de Max Verstappen. O holandês não deixou quase nenhuma brecha para os adversários e dominou de ponta a ponta, garantindo com boas provas de antecedência seu terceiro título mundial na F1.

Das 22 etapas disputadas no calendário, o holandês garantiu a vitória em 19, batendo o recorde de piloto que mais triunfou em um só campeonato. Ainda, subiu ao pódio em 21 oportunidades, ficando de fora apenas no GP de Singapura, que teve vitória de Carlos Sainz.

Tamanha hegemonia também pode ser traduzida através dos números alcançados pelo piloto. De todas as voltas feitas na temporada, Verstappen liderou nada menos que 1003 e, portanto, esteve 75% do tempo liderando o pelotão.

Das 332 voltas restantes de 2023, nove pilotos se dividiram na liderança. Foram eles Sergio Pérez com 146 – o mexicano venceu duas vezes na F1 no último ano, Carlos Sainz com 77, Charles Leclerc com 41, Lando Norris com 30, Lewis Hamilton com 13, George Russell com seis, Yui Tsunoda com cinco, Fernando Alonso com três e Oscar Piastri com uma.