F1: Jornalista acredita que Antonelli pode atrapalhar ida de Verstappen para Mercedes

Max Verstappen vive um bom momento na Red Bull Racing, brigando por vitórias na maioria dos finais de semana. No entanto, segundo o jornalista da Sky Sports, Ted Kravitz, o holandês pode estar em uma posição delicada para a temporada 2026 da Fórmula 1.

Os rumores sobre uma possível saída de Verstappen da Red Bull cresceram ao longo da atual temporada. A Mercedes, inclusive, já demonstrou interesse no piloto holandês.

Kravitz afirma que há pessoas próximas a Verstappen que veem a Mercedes como o melhor destino para o piloto, devido às novas regras de 2026. O jornalista aponta o jovem talento da F2, Andrea Kimi Antonelli, como principal obstáculo para Verstappen: “A única coisa que preocupa Max, em termos de assumir esse posto tão cedo, é o piloto de 17 anos, Andrea Kimi Antonelli. Toto Wolff ainda não decidiu se ele (Antonelli) irá realmente para sua equipe.”

Além de Antonelli, a presença de George Russell como favorito para a vaga em 2026 coloca Verstappen em uma situação delicada, de acordo com Kravitz: “Essa é a única razão pela qual Verstappen, no final deste ano ou até mesmo no início do próximo, em caso de saída de Helmut Marko, poderia dizer: ‘Então eu quero ir para a Mercedes, é isso que vou fazer’.”

Porém, tudo indica que Verstappen não fará esse movimento para a Mercedes no momento. O holandês optou por permanecer na Red Bull em 2025. A Red Bull deve continuar a ter um carro competitivo em 2025, o que motiva a permanência de Verstappen.