F1: Norris não ficou muito contente com a sua qualificação no Canadá, “nada incrível”

O treino classificatório do Canadá rendeu um top 3 formado de diferentes equipes, incluindo a McLaren, que terá Lando Norris largando da terceira posição. Apesar do resultado, Norris não acredita ter feiro um excelente tempo, mesmo que tenha sido apenas +0.021s mais lento que o pole, George Russell.

A equipe papaia tem tido um ano para se orgulhar, com participações dos dois pilotos em vários pódios, e uma vitória de Norris no GP de Miami. No Canadá, Lando Norris e Oscar Piastri irão se posicionar em P3 e P4 respectivamente no grid de largada para domingo. 

“Honestamente, estou feliz com o terceiro lugar. Está tão perto, e estar tão perto com uma volta que não achei incrível [é bom]”, disse Norris. O piloto acredita que o Canadá deste ano está mais desafiador do que na temporada passada. 

“É definitivamente um pouco mais difícil este ano do que foi no passado, mas ainda assim é gratificante sair com um P3, mesmo estando a apenas dois centésimos da pole. Não fizemos muitas voltas em primeiro lugar, então é uma questão de os pneus atingirem a temperatura, depois caírem, depois granularem, depois o sol aparecer e depois chover novamente”, acrescentou.

“Foi difícil apenas manter consistência e tentar encontrar um bom ritmo. Não acho que esse circuito realmente permita isso. É difícil identificar exatamente o que se quer do carro porque se deseja dois mundos diferentes: um bom desempenho em curvas e também um carro que esteja performando no seu melhor em termos de aerodinâmica”.

Com os dois pilotos papaia lado a lado, a equipe pode jogar estrategicamente para cima de Russell e Verstappen, que estarão na primeira fila na largada de amanhã (08).