F1: Norris considerou justa a punição de Verstappen dentro do contexto do ocorrido

Após o GP da Áustria de Fórmula 1, Lando Norris falou pela primeira vez com a imprensa sobre o incidente com Max Verstappen e a punição de dez segundos aplicada ao holandês. O acidente tirou Norris da corrida e o piloto britânico avaliou a decisão dos comissários.

“É complicado. Às vezes, como pilotos, achamos que deveria haver punição, às vezes não. Às vezes você não quer que a consequência seja levada em conta, mas em outras situações acho que definitivamente deveria. No nosso caso, foi um toque muito leve”, disse Norris em Silverstone.

“Considerando o contexto, acho que não deveria ter sido uma punição pesada, nem mesmo uma punição. Mas pelo fato de ter me tirado da corrida e da briga pela vitória, muda um pouco as coisas. Se tivéssemos uma vantagem suficiente e Verstappen ainda pudesse vencer, a punição teria outro peso. É uma questão complicada e que precisa ser discutida com a FIA e os pilotos. Não é fácil definir uma regra”, disse ele.

No entanto, Norris se recusou a comentar se Verstappen deveria ter sido punido de forma independente.

Uma volta antes do acidente, Verstappen abriu demais na curva 3. Norris acredita que a FIA também precisa esclarecer se esse tipo de manobra deve ser punida.

“Sinceramente, acho que Max poderia ter feito a curva. Ele não tentou, o que é provavelmente o principal. Mas eu não o apertei. Não estávamos lado a lado e eu não o forcei a sair da pista. Ele optou pelo caminho mais fácil”, disse o piloto da McLaren.

“Não é tão simples dizer que isso aconteceu, aquilo aconteceu e deveria haver um resultado diferente. Mas eu diria que, de tudo o que aconteceu, esse foi o ponto que eu menos entendi. O espaço que ele tinha na saída da curva era maior do que o que tínhamos na entrada. Então, no sentido dele sair da pista e ganhar vantagem, foi ele quem fez isso. Ainda mais pelo fato de eu nem tê-lo tirado da pista. Só precisa haver algum esclarecimento sobre essas coisas”, acrescentou.

Norris também acredita que regras demais acabariam com a emoção das corridas. “Todos os pilotos fariam isso. Max fez, eu fiz. Saí daquela situação pensando que foi uma boa disputa. Não queremos tirar a emoção das corridas roda a roda com regras demais. Acho que talvez tenha exagerado um pouco a reação. Mas é preciso clareza sobre certos pontos. Fora isso, estou feliz de correr forte e fazer o que fizemos no fim de semana passado”, concluiu Norris.