F1: Norris acredita em mais vitórias contra a Red Bull

Lando Norris costuma ser cauteloso ao analisar as chances da McLaren, mas após uma sequência de bons resultados, incluindo o segundo lugar no GP da Emília-Romanha de Fórmula 1, o piloto britânico não vê nenhuma razão para a equipe de Woking não ameaçar a Red Bull corrida após corrida.

Duas semanas depois de sua primeira vitória em Miami, Norris terminou a apenas 0,7s de Max Verstappen em Ímola. Após cogitar que a McLaren era a terceira força antes do fim de semana, Norris adotou um discurso bem mais positivo agora.

“Não há razão para negar”, disse Norris quando questionado sobre a possibilidade de desafiar Verstappen na maioria dos circuitos. “Também fomos segundo na China, então tivemos segundo, primeiro, segundo… acho que são bons sinais. Mas por outro lado, se eu cometo um erro de um décimo e perco três posições, a McLaren provavelmente não teria um piloto no pódio, e aí de repente tudo parece menos promissor. Mas acho que estamos extraindo tudo o que podemos do carro, e quando fazemos isso, estamos aqui. Estamos no caminho certo.”

A McLaren foi, em várias ocasiões, a melhor equipe atrás da Red Bull na temporada passada. Porém, Norris acredita que muitos não esperavam que a equipe fechasse a lacuna em relação aos atuais campeões. “A equipe fez um ótimo trabalho para estarmos aqui hoje. Muita gente não esperava que pudéssemos melhorar tanto e alcançar a Red Bull”, disse ele.

Mesmo com esse otimismo, Norris reconhece que a McLaren ainda não está no nível da Red Bull, mas vê muito potencial para o restante da temporada.

“Como vimos hoje (domingo), a Red Bull ainda tem áreas onde é melhor, mas talvez tenhamos outras onde estamos superiores agora, o que é um bom sinal. Haverá pistas onde podemos ser mais fortes. Estou ansioso por algumas delas, mas também haverá outras onde ficaremos um pouco atrás. Então, estamos trabalhando nesses pontos, e se progredirmos neles tanto quanto no resto do carro, estou animado para continuarmos lutando com eles em mais corridas”, finalizou Norris.