Fábricas empatam nas estatísticas da Stock Car

Reconhecida mundialmente pela competitividade e imprevisibilidade, a Stock Car Pro Series se encaminha para a decisão da temporada 2023 com números que evidenciam seu equilíbrio de forças. As duas marcas que aceleram na principal categoria do automobilismo nacional, Toyota e Chevrolet, chegam à 11ª e penúltima etapa do calendário, a ser realizada neste fim de semana no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel (PR), empatadas em duas das principais estatísticas de performance: vitórias e poles positions.

Cada montadora subiu ao topo do pódio dez vezes na temporada. Toyota e Chevrolet já viveram momentos bastante distintos no campeonato, mas a fase atual é mais favorável à marca norte-americana, que conquistou cinco vitórias nas últimas seis corridas, disputadas no Velopark, Buenos Aires e no Velocitta. Gabriel Casagrande (A.Mattheis Vogel) e Daniel Serra (Eurofarma RC) são os pilotos que mais venceram pela Chevrolet no ano, com três primeiros lugares para cada.

Já o melhor momento da fábrica japonesa foi nas etapas 5 e 6 do calendário, entre julho e agosto, realizadas em Interlagos e no Velocitta, com quatro vitórias consecutivas. O piloto que mais ganhou corridas pela Toyota até agora na temporada é o argentino Matías Rossi, com três primeiros lugares.

Em termos de poles positions, conquista que reflete o desempenho máximo de um carro em volta rápida, Toyota e Chevrolet também estão empatadas, com cinco posições de honra no grid para cada marca em 2023. O começo da temporada foi muito parecido, com as duas montadoras se alternando na frente: Bruno Baptista e Thiago Camilo largaram na ponta para os japoneses em Goiânia e Tarumã, respectivamente, enquanto Casagrande e Felipe Fraga marcaram poles em Interlagos e Cascavel.

A Toyota desempatou o jogo a partir de Interlagos, em julho, e emendou uma sequência de três poles, registradas por Matías Rossi (em São Paulo), Ricardo Zonta (Velocitta) e César Ramos (Goiânia). Entretanto, a Chevrolet voltou a equilibrar a fatura a partir do Velopark, onde Casagrande largou na frente. Na sequência, Felipe Fraga registrou as poles em Buenos Aires e no Velocitta, empatando o placar em 5 a 5. Confira:

Stock Car, temporada 2023
10 etapas em rodada dupla, totalizando 20 corridas disputadas até o momento

Vitórias da Chevrolet: 10
Gabriel Casagrande e Daniel Serra, 3
Átila Abreu e Ricardo Maurício, 2

Vitórias da Toyota: 10
Matías Rossi, 3
Ricardo Zonta e Thiago Camilo, 2
Rubens Barrichello, Dudu Barrichello e César Ramos, 1

Poles da Chevrolet: 5
Felipe Fraga, 3
Gabriel Casagrande, 2

Poles da Toyota: 5
Bruno Baptista, Thiago Camilo, Matías Rossi, Ricardo Zonta e César Ramos, 1