Começa amanhã a definição dos finalistas da Stock Car

Nesta sexta-feira, com os treinos preparatórios para a 11ª e penúltima etapa, a ser realizada no domingo (26) em Cascavel, a Stock Car Pro Series inicia o confronto que apontará os pilotos que terão condições de disputar o título da temporada 2023, no dia 17 de dezembro, em Interlagos. Entre os vários candidatos, quatro campeões se destacam: Gabriel Casagrande (campeão em 2021) e Felipe Fraga (2016) são líder e vice-líder da tabela, respectivamente. Rubens Barrichello (2014 e 2022) e Daniel Serra (2017 a 2019) ocupam a quarta e quinta posições. Entre eles, Thiago Camilo, vice-campeão em 2009/13/17/19, é o terceiro colocado na tabela – e tenta há muito um merecido primeiro título.

Matematicamente, Casagrande é o único com possibilidade de selar a conquista do título em Cascavel. Entretanto, o paranaense teria de contar com uma combinação improvável de resultados de vários rivais e abrir 57 pontos de vantagem para o segundo colocado ao término da etapa. Como cada etapa concede um máximo de 56 pontos e só faltaria o encontro de Interlagos para encerrar o ano, o campeão de 2021 estaria fora do alcance dos rivais.

Os finalistas serão conhecidos após o encerramento da etapa de Cascavel, quando será aplicado o descarte dos quatro piores resultados de cada piloto, gerando a pontuação que indicará os candidatos definitivos ao título de 2023.

Pontuação – Depois de dez etapas e 20 corridas disputadas, Casagrande soma 279 pontos, 31 de vantagem para Fraga. Contudo, o paraense criado em Palmas (TO) foi o maior pontuador das últimas etapas, em Buenos Aires e no Velocitta, e é um dos pilotos que mais subiram no campeonato da sexta rodada em diante.

Na perseguição pela sua primeira taça de campeão, Thiago Camilo é o terceiro colocado, com 244 pontos. Conta a seu favor o fato de ser um dos competidores que mais venceu em Cascavel na Stock Car, estatística na qual está empatado com Marcos Gomes e Átila Abreu, todos com três primeiros lugares.

O bicampeão Rubens Barrichello é o quarto na tabela, com 237 pontos, seguido pelo tricampeão Daniel Serra, com 231 tentos, dez a mais que Rafael Suzuki. Ricardo Zonta tem 205 e é o sétimo, à frente de Gianluca Petecof, com 204. Ricardo Maurício tem 190, e Guilherme Salas fecha o top-10, com 184.

Programação e transmissão — Em fim de semana que terá na pista também a sétima e penúltima etapa da Copa Hyundai HB20, a Stock Car Pro Series acelera a partir de sexta-feira com um treino exclusivo aos rookies e mais uma sessão livre. O sábado começa com um treino livre, warm-up, e a classificação que vai determinar o penúltimo pole do ano está marcada para 13h30.

O domingo será de visitação aos boxes, um dos pontos altos do fim de semana, a partir de 11h30. A etapa decisiva em Cascavel larga com a Corrida 1 a partir de 13h40, enquanto a última prova do cronograma está marcada para 14h20, sempre com 30 minutos mais uma volta.
A Stock Car Pro Series é transmitida ao vivo pela Band na TV aberta, SporTV e BandSports na TV por assinatura, além dos canais oficiais da categoria no YouTube, Facebook e TikTok.