Toyota de Buemi lidera as 24 Horas de Le Mans após dez horas de corrida

A Toyota lidera as 24 Horas de Le Mans após dez horas de disputa no circuito de La Sarthe, na França. Sébastien Buemi pilota neste momento o carro número 8 da marca japonesa, que conta também com Brendon Hartley e Ryo Hirakawa, que tomou a ponta da corrida na nona hora de prova, após a Ferrari da AF Corse, pilotada por Robert Kubica, ser punido com um stop and go de 30 segundos por causar um acidente.

A segunda posição pertence ao Porsche Penske número 6, que é conduzido neste momento por André Lotterer, e que está pouco mais de sete segundos distante do líder. O outro Toyota do grid, pilotado agora por Kamui Kobayashi, aparece em terceiro, logo à frente da Ferrari de Antonio Fuoco, quarto colocado. O Cadillac de Earl Bamber completa a lista dos cinco melhores.

A Ferrari da AF Corse, com Robert Shwartzman ao volante, aparece em sexto, enquanto Philip Hanson, com um Porsche da JOTA, ocupa o sétimo lugar. James Calado, da Ferrari, Scott Dixon, da Cadillac, e Will Stevens, com um Porsche da JOTA, completam o top-10. A Action Express, time de Pipo Derani e Felipe Drugovich, aparece em 12º, enquanto o Porsche Penske de Felipe Nasr é o 16º.

Nicolas Varrone lidera a prova da LMP2 com a AF Corse, tendo uma frente de 28 segundos para o segundo colocado, David Heinemeier-Hanson, piloto da Nielsen Racing. Patrick Pilet, da Vector, aparece em terceiro, sendo seguido por Oliver Jarvis, quarto com a United Autosports. O grupo dos cinco melhores ainda conta com PJ Hyett, da AO by TF.

Morris Schuring, com um Porsche da Manthey, lidera a prova na classe GT3, que tem Kelvin van der Linde, com um Lexus da Akkodis, na segunda posição. Klaus Bachler, com outro Porsche da Manthey, é o terceiro colocado neste momento, sendo seguido por Takeshi Kimura, quarto com outro Lexus da Akkodis. Grégoire Saucy, com uma McLaren da United Autosports que tem Nicolas Costa no time, é o quinto.
O BMW do Team WRT que conta com Augusto Farfus no time aparece em décimo, enquanto a Ferrari da GR Racing de Daniel Serra ocupa a 15ª posição após dez horas de prova.

A prova contou com uma longa intervenção do Safety Car, com duração superior a 1h30min na oitava hora de corrida, no momento em que o BMW número 15, pilotado por Dries Vanthoor acertou o guard-rail, que precisou ser substituído por conta do incidente. Também durante a neutralização, um cachorro apareceu no circuito, sem invadir a pista.

A Alpine abandonou a disputa com seus dois carros, enquanto os dois equipamentos dos brasileiros na Hypercars tiveram punições de passagens pelos boxes por infringir o regulamento em slow zones. Na LMP2, houve o abandono do carro número 30 da Duqueine, que viu o motor ter problemas. Já nos GTs, Ahmad Al Harthy bateu o BMW que tinha no time Valentino Rossi, que chegou a liderar a prova. O time abandonou a disputa.

As 24 Horas de Le Mans serão encerradas às 11h da manhã deste domingo.