Herrmann vence primeira na Sprint Challenge da Porsche Cup na corrida 2 em Portugal

Leonardo Herrmann foi o grande ganhador da segunda corrida do final de semana de Porsche Cup em Portugal. Na manhã deste domingo (30), na classe Sprint Challenge, o piloto teve embate com Caio Castro para garantir seu primeiro triunfo na categoria.

Assim como a Carrera Cup, os competidores da classe Sprint Challenge não teriam de se preocupar com as condições da pista. Sem sinal de chuva ao menos no início de prova, a pista seguia seca no Estoril.

Para a segunda prova do final de semana, com a inversão do grid a partir do resultado da corrida 1, quem ficou com a pole-position foi Claudio Simão, dividindo a primeira fila com Lucas Locatelli. Antonella Bassani, líder do campeonato e vencedora da prova 1, alinhou em oitava.

Bandeira verde e em largada exemplar, Caio Castro saltou para a primeira colocação do pelotão, seguido por Leonardo Herrmann e Simão despencando para o terceiro posto.

Mas ainda nos primeiros instantes da disputa, um primeiro safety-car se fez necessário no traçado de Portugal. O motivo foi um encontro entre Sang Ho Kim e Alceu Feldmann Neto, que ficaram parados na pista.

Após um período então sem disputas, a corrida foi recomeçada no Estoril. Caio conseguiu se manter na primeira colocação, mas sem conseguir se desprender do pelotão, estando a apenas 0s291 de Herrmann. Mais atrás, Antonella começava os ataques em cima de Simão, que já vinha em quinta.

Sem conseguir abrir distância para o segundo colocado, Leonardo começou os ataques em cima de Castro para tentar tomar a primeira posição. Mas então, quando foi tentar dar uma passada, Herrmann e Caio acabaram se enroscando e quem levou a pior foi o líder da corrida, que rodou e caiu para o fundo do pelotão e ficou preso na caixa de brita.

Nesse momento, mais uma vez o carro de segurança precisou ir para a pista. A ordem que estava na pista era Herrmann em primeiro, com Célio Brasil em segundo, Antonella em terceira, Gerson Campos e Simão completando as cinco primeiras posições.

A corrida mal chegou a ser retomada, mas logo precisou de um novo carro de segurança. A bandeira verde tremulou, mas no mesmo instante Caio Chaves e Lucas Locatelli acabaram se tocando e destruindo ambos os carros, deixando bastante detrito na pista e sem poder recomeçar a prova. Restavam 3 minutos para o encerramento.

Bandeira verde para a volta final de disputa. Leonardo conseguiu não apenas se manter na ponta como se desprender na ponta, enquanto Bassani começou a pressão em cima de Brasil e Gerson Campos dava o ataque em cima de Mariotti.

Bandeira quadriculada e Herrmann não apenas vence como consegue sua primeira na Porsche Cup. Brasil, Bassani, Mariotti e Campos completam os cinco primeiros. Wagner Pontes vence na Rookie.