MotoGP: Site revela valores de novo contrato de Bagnaia com Ducati

O noticiário antes da abertura da temporada de 2024 da MotoGP foi movimentado pela primeira grande renovação de contratos. Ela foi a do italiano Francesco Bagnaia, atual bicampeão mundial. O piloto confirmou que, além de 2024, correrá pelo time de fábrica da Ducati em 2025 e 2026 pelo menos.

E pelo fato de tirar a Ducati da fila após 15 anos e por ter confirmado o título mais uma vez em 2023, Bagnaia recebeu um bom aumento nas cifras neste novo acordo.

O site Motorsport.com trouxe os valores atribuídos ao contrato. A partir da nova vigência, Bagnaia receberá ao menos 7 milhões de euros por temporada, com este valor crescendo até possíveis 10 milhões de euros dependendo de seus resultados.

Bagnaia ganhava em seu primeiro contrato com a Ducati o mesmo que pilotos satélites. Isso ocorreu até que fosse campeão do mundo pela primeira vez, em 2022.

Este não é o maior salário da história do time, já que entre 2017 e 2018 a Ducati teve sob contrato o espanhol Jorge Lorenzo, que após duas temporadas recebeu 25 milhões de euros do time.