Foi a Red Bull que solicitou mudança na idade mínima para pilotos na F1

A Red Bull está de olho em uma nova promessa do automobilismo: Arvid Lindblad. Segundo a equipe, o piloto britânico de 17 anos tem tudo para se tornar um piloto de Fórmula 1 muito bem-sucedido.

Para tanto, a Red Bull solicitou à FIA uma mudança no regulamento. Essa alteração que foi feita pela federação, permite que pilotos estreiem na F1 antes de completarem 18 anos, após uma avaliação da própria FIA.

Depois da estreia de Max Verstappen na F1 em 2015, com apenas 17 anos, a FIA proibiu a entrada de pilotos menores de 18 anos, mas isso foi alterado recentemente.

Inicialmente, suspeitava-se que o pedido para a FIA tivesse sido feito pela Williams, equipe apontada como possível destino de Andrea Kimi Antonelli, talvez ainda na atual temporada, em uma provável substituição de Logan Sargeant. No entanto, a Red Bull foi a responsável pela solicitação.

Isso não significa que Lindblad terá um lugar cativo na F1 a curto prazo, mas indica a intenção da Red Bull de lhe oferecer um teste em algum momento.

Por enquanto, Lindblad segue focado na Fórmula 3, onde vem obtendo bons resultados. Em Barcelona, venceu sua segunda corrida no ano e subiu para a quarta colocação no campeonato.

Integrante do programa de jovens pilotos da Red Bull desde 2021, Lindblad pode ser mais um talento a ser levado para o grid da Fórmula 1 em um futuro próximo.