F1: Verstappen tem chance de igualar recorde de Senna em Ímola

O GP da Emília-Romanha, antes de San Marino, é a próxima parada do calendário da F1. Entre os dias 17 a 19 de maio, a principal categoria do automobilismo mundial estará na Itália para disputar a sétima etapa da temporada 2024.

Até o momento, Max Verstappen conseguiu todas as pole-position do campeonato. Com isso, está em uma sequência de sete poles consecutivas conquistadas, contando com o GP de Abu Dhabi, última prova de 2023 – no GP de Las Vegas, corrida anterior, foi Charles Leclerc quem saiu na frente.

Com isso, o piloto da Red Bull está empatado com outros quatro pilotos com a maior sequência de poles na F1: Lewis Hamilton, entre os GPs de Mônaco e Itália de 2015, Michael Schumacher, entre os GPs da Itália de 2000 a do Brasil de 2001, Alain Prost, entre África do Sul e Espanha 93, e Ayrton Senna, Espanha 90 e Mônaco 91.

Acontece que o tricampeão brasileiro tem uma outra sequência de posições de honra do grid. Entre os GP da Espanha de 88 e o GP dos EUA de 99, o competidor saiu nada menos que oito vezes seguida do primeiro posto do pelotão.

Então, caso Verstappen largue da pole-position do GP da Emília Romanha da F1, vai igualar o recorde absoluto sustentado por Senna por 35 anos.