F1: Segundo a Pirelli, novo asfalto não deve alterar aderência em Montreal

A Pirelli espera que o novo asfalto do Circuito Gilles Villeneuve, em Montreal, não cause mudanças significativas nos níveis de aderência. A pista canadense foi completamente recapeada antes do GP do Canadá de Fórmula 1 no próximo final de semana, seguindo os padrões da FIA.

Também foi destacado pela Pirelli, que a pista já oferecia baixa aderência em anos anteriores, e que as características de baixa abrasão do novo asfalto devem manter essa característica. No entanto, a empresa italiana só terá certeza após seus engenheiros examinarem a nova superfície pela primeira vez na sexta-feira.

Em prévias do evento, a Pirelli afirmou: “Em teoria, as características já existentes na pista de baixa abrasão e portanto, de aderência reduzida, devem permanecer as mesmas.”

A experiência da Pirelli em outros circuitos recapeados não foi das melhores, com algumas corridas sofrendo com muitos problemas de aderência. No entanto, o caso de Montreal parece ser diferente, já que a pista já apresentava características de baixa aderência anteriormente.

Resta saber se o novo asfalto trará alguma mudança significativa no comportamento dos carros, e se isso influenciará o desempenho dos pilotos durante a corrida canadense.