F1: Red Bull mantém cautela com “inovação” inspirada na Mercedes

A Red Bull inicia a defesa do título na temporada 2024 da Fórmula 1 com um RB20 que traz inovações inspiradas na Mercedes, mas a equipe adota cautela quanto ao sucesso dessas alterações.

Helmut Marko, consultor da Red Bull, admitiu que há incerteza sobre a eficácia dos novos conceitos baseados em elementos usados pela Mercedes na temporada passada. Embora os simuladores e testes em túnel de vento tenham apresentado resultados promissores, o projetista e diretor da equipe, Adrian Newey, reconhece que as ideias da Mercedes não funcionaram como esperado na pista.

O RB20 adota elementos como entradas verticais nas caixas de ar laterais, similares ao conceito de ‘zeropod’ da Mercedes, que foi abandonado após não cumprir as expectativas iniciais. Marko afirmou: “Eles estavam convencidos pelos dados, mas na prática não funcionou. Veremos se conseguimos implementar com sucesso essa solução similar.”

Max Verstappen, por sua vez, descreveu o RB20 como um produto de ‘agressão controlada’, enquanto Sergio Perez elogiou a ‘ousadia’ da equipe. Marko confirmou também que o RB20 é mais do que uma evolução do RB19, chamando-o de ‘pequena revolução’. No entanto, destacou que o sucesso dos conceitos inspirados na Mercedes só será comprovado em pista durante os testes no Bahrein.

Verstappen está ao volante do RB20 no primeiro dia de testes da pré-temporada nesta quarta-feira no Bahrein, enquanto Perez assume o volante amanhã. A Red Bull quer defender o título com um carro inovador, mas enfrenta um dilema: potencializar o desempenho com um conceito arriscado ou manter a consistência do RB19? Só o tempo dirá se a cautela da equipe é justificada ou se essa ‘inovação’ no RB20 será um acerto estratégico.