F1: Massa afirma que mudança de Hamilton para Ferrari em 2025 será uma grande jogada

A já anunciada mudança de Lewis Hamilton para a Ferrari a partir da temporada 2025 da Fórmula 1, surpreendeu a praticamente todo o paddock da categoria. Com essa mudança, uma coisa é certa: A Ferrari terá provavelmente a dupla de pilotos mais forte do grid, e assim vai tentar conquistar o tão sonhado título na F1.

Frederic Vasseur (chefe da Ferrari) junto com John Elkann (CEO da Scuderia), conseguiram convencer Hamilton a mudar para Maranello, realizando um sonho de todos os atores envolvidos nesta fascinante aventura que começará em 2025 com um contrato plurianual com vista também a 2026, quando a F1 mudará radicalmente seus regulamentos, tanto no que diz respeito aos carros (mais leves e menos volumosos em termos de dimensões) como às unidades de potência (não haverá MGU-H, o combustível será 100% bio e a parte elétrica terá de fornecer mais potência em relação ao que acontece atualmente).

O ex-piloto de F1 e também da Ferrari, o brasileiro Felipe Massa, comentou a ‘operação do século’ da seguinte forma em entrevista ao Il Corriere dello Sport : “Ótima jogada, Hamilton é um piloto fantástico, quase todos os recordes da F1 são dele”. Segundo Massa, a Ferrari decidiu não perder a oportunidade de contratar o heptacampeão, porque o título não veio com Leclerc, pelo menos por enquanto: “Se Leclerc quer ser campeão não deve ter medo de ninguém. Ayrton Senna brigou com Alain Prost até que o empurrou para outro lugar”, afirmou o brasileiro. Por fim, Massa não acredita que Carlos Sainz seja um elemento perturbador pelo fato de ter consciência de estar com as malas prontas. “Ter um Sainz em declínio não é conveniente para a própria Ferrari que precisa de pontos para o campeonato de construtores. Carlos respeitará a equipe porque tem uma reputação a defender, e nenhuma equipe quer um piloto que cause problemas”, encerrou Massa.