F1: Mariana Becker alega questão de família e perde GP dos Estados Unidos

Mariana Becker não vai estar à frente das câmeras no GP dos Estados Unidos de F1. Nesta quinta-feira (19), a repórter do grupo Bandeirantes alegou uma questão de família envolvendo sua mãe e que vai vir ao Brasil ao invés de voar para Austin, no Texas.

A categoria desembarca no Circuito das Américas neste final de semana para disputar a 17ª etapa do calendário. Assim como foi no Catar, a prova americana também vai contar com a corrida Sprint, trazendo classificação para a tarde da sexta-feira (20).

Então, nas redes sociais, a conhecida jornalista apontou que dessa vez, por priorizar sua família, não vai estar presente na prova norte-americana. Quem vai substituí-la é Thiago Fagnani, jornalista esportivo da Band e que esteve na Argentina para a cobertura da Stock Car.

“Mudança de planos em cima da hora. Em vez de Texas, Brasil. Tem horas em que o amor à família pula todas as posições de prioridades.
E mamai entra antes no pit, sai antes, tem os melhores motores, pneus e mecânicos”, contou em suas redes sociais.

“Então quero estar pertinho nessa parada nos boxes. Thiago Fagnani vai ser o cara a contar tudo pra vocês direto do furdúncio e me passar o dever de casa. A gente volta a se encontrar em Interlagos. Conto com a sua compreensão, Atenciosamente, MB”, completou o rápido texto.