F1: Horner resolveu dar conselhos para Wolff recuperar a Mercedes

O Chefe da Red Bull, Christian Horner, resolveu dar conselhos ao chefe da Mercedes, Toto Wolff, enquanto a equipe de Wolff enfrenta um desafio significativo na busca pela recuperação na Fórmula 1. Horner, que liderou a Red Bull no recente período de domínio da equipe, entende os altos e baixos do esporte e destaca a importância de manter a motivação em momentos difíceis.

A Red Bull, com Horner à frente, dominou a Fórmula 1 entre 2010 e 2014, com quatro títulos de construtores e quatro de pilotos com Sebastian Vettel, até que mudanças nas regulamentações interromperam sua sequência de vitórias, que passaram para o lado da Mercedes. Agora, com a Mercedes enfrentando dificuldades sob as regras mais recentes, Horner optou por dar conselhos sobre como lidar com a pressão e manter o moral da equipe.

Horner reconhece o desafio significativo que Wolff enfrenta no momento, saindo de um período de sucesso para lidar com uma fase bem menos vitoriosa. “É um ajuste grande não estar vencendo corridas, e a Mercedes ganhou apenas uma corrida nas últimas duas temporadas”, disse Horner durante o podcast Sky Sports F1.

O chefe da Red Bull destacou a importância de motivar a equipe, especialmente quando há questionamentos internos e uma busca por respostas. Em uma comparação com a trajetória da Red Bull, que superou desafios com um motor Renault menos potente, Horner destaca a necessidade de manter a crença e confiança na equipe.

“A liderança envolve motivar a equipe, levantar os ânimos. É um desafio totalmente diferente estar no topo do grid e ter que lutar para voltar lá”, concluiu Horner.

Não é muito provável que Wolff ‘dê ouvidos’ aos conselhos de Horner, mas é inegável que ele tem um grande desafio para levar a Mercedes novamente ao topo da Fórmula 1.