F1: “É onde eu deveria estar”, afirmou Hamilton ao ver a Russell assumir a liderança no GP da Espanha

O início do GP da Espanha foi frustrante para Lewis Hamilton, que viu seu companheiro George Russell tomar a liderança no primeiro momento da corrida.

Enquanto Hamilton assistia ao replay da largada com Max Verstappen e Lando Norris, reconheceu: “É onde eu deveria estar,” disse quando viu a ultrapassagem dupla de George Russell sobre Verstappen e Norris logo no começo.

O heptacampeão largou de P3, mas teve uma largada ruim comparada aos dois a sua frente – Verstappen e Norris –, e a Russell que esteva logo atrás, em P4. Hamilton destacou para os colegas de pódio que se tivesse feito uma largada melhor, teria ficado mais próximo de Verstappen e teria tido maiores chances de desafiá-lo para ganhar a corrida. 

De qualquer forma, Hamilton conseguiu voltar para a posição da qual largou e terminou no pódio pela primeira vez no ano. O heptacampeão vinha com pneus macios quando fez uma manobra sobre Russell, que usava pneus duros, conquistando assim o terceiro lugar no GP da Espanha.