F1: Chefe da Ferrari descarta preocupação com forma de Leclerc: “Temporada é longa”

A atual forma de Charles Leclerc na F1 não tem ligado qualquer tipo de alerta dentro da Ferrari. Tanto é que Frédéric Vasseur, chefe da tradicional equipe italiana, apontou que não tem nenhuma preocupação com o monegasco no momento.

Nas duas últimas temporadas, a escuderia de Maranello alcançou apenas duas vitórias na categoria, e ambas foram conquistadas por Carlos Sainz: o GP de Singapura de 2023 e o GP da Austrália de 2024. Enquanto isso, a última vez que Charles subiu ao degrau mais alto do pódio foi na Áustria 2022.

Apesar dos recentes resultados, é o espanhol quem está desempregado para a temporada 2025, já que foi despedido pela Ferrari para a contratação do sete vezes campeão mundial Lewis Hamilton.

Então, no Japão, última etapa disputada do campeonato, Sainz voltou a subir ao pódio ao cruzar a linha de chegada na terceira colocação, enquanto Leclerc foi quarto. E isso é motivo para cabelos brancos a Vasseur?

“Não estou preocupado com nada. Charles terminou em segundo na Austrália, que acho que é algo que os outros 18 pilotos do grid gostariam de ter feito”, contou em entrevista ao Sky Italia em Suzuka.

“Hoje, perdeu apenas 0s1 em relação a Carlos e sabe muito bem onde precisa melhorar. Estamos falando sobre apenas uma volta, um segmento. A temporada é longa, não estou preocupado definitivamente com nada”, reforçou.