F1: Brasileiro Drugovich passa a ser apontado para Williams em 2025

O mercado de pilotos para a temporada 2025 da F1 segue pegando fogo. Agora, segundo informação do jornal suíço Blick, o brasileiro Felipe Drugovich passou a ganhar força para assinar com a Williams caso Carlos Sainz não feche com a equipe britânica para o próximo ano.

Sainz parece ser uma peça-chave para a movimentação das próximas peças do quebra-cabeças do campeonato que vem. Nas últimas semanas, além de apontado no time inglês comandado por James Vowles, o ‘Smooth Operator’ também tem sido ligado à Audi, que chega em 2026, e agora na Alpine – mas nada ainda confirmado

Atualmente, o paranaense é piloto reserva na Aston Martin. A última vez em que andou em um final de semana de etapa de F1 foi no GP de Abu Dhabi de 2023, quando assumiu o carro de Fernando Alonso no primeiro treino livre, ficando com o segundo tempo na época.

Neste ano, além de cotado para vaga na Williams, no final de maio surgiram também rumores de que poderia assinar com a Sauber, que se torna a Audi com a mudança do regulamento técnico – os boatos vieram pelo mesmo jornal suíço Blick.

Hoje, Drugovich está no grid da European Le Mans Series, categorias de corridas de longa duração, além de ter corrido nas 24 Horas de Le Mans do Mundial de Endurance, na classe Hypercar, ao lado do também brasileiro Pipo Derani e Jack Aitken.