F1: Berger coloca Verstappen como “melhor piloto de corrida de todos os tempos”

Gerhard Berger, lenda da Fórmula 1, expressou sua convicção de que Max Verstappen é o “melhor piloto de corrida de todos os tempos”. Em declaração ao jornal Kronen Zeitung, Berger, que já foi companheiro de equipe de Ayrton Senna na McLaren, disse que “nunca em sua vida” viu um piloto dominar como Verstappen o fez em 2023, com 19 vitórias em 22 Grandes Prêmios.

“Max é um piloto de corrida que sempre dá 120%”, disse o austríaco. “Assim como Senna ou Schumacher costumavam fazer, ou Hamilton faz agora. Mas tenho certeza que Max já está de volta ao simulador e brincando com todos os seus carros de corrida.”

Quando questionado se Verstappen é o piloto mais dedicado que o esporte já viu, Berger, de 64 anos, respondeu afirmativamente. “Ele simplesmente vive com cada fibra de seu corpo para o seu esporte – para a Fórmula 1. Isso é sua paixão. Para mim, ele é o melhor piloto de corrida do mundo de todos os tempos.”

Berger destacou não apenas os 21 pódios de Verstappen em 22 possíveis, mas seu registro de 100% de pilotagem como o mais impressionante. “Isso se tornou o maior handicap para Helmut Marko”, disse Berger sorrindo. “Porque Max não precisa dele. Com zero erros, Helmut simplesmente não tem nada a criticar.”

A performance de Sergio Perez no carro irmão é um contraste marcante. “Olhando para a ultrapassagem de Leclerc sobre Perez na última volta em Las Vegas, tenho que dizer que nem mesmo um iniciante comete tal erro”, acrescentou Berger.

Helmut Marko, consultor da Red Bull, disse recentemente ao mesmo jornal que espera um desafio muito mais difícil para a Red Bull permanecer no topo em 2024. “Tais declarações são típicas”, insiste Berger. “Helmut está apenas tentando tirar um pouco da pressão. Pessoalmente, vejo preto novamente para toda a concorrência da Red Bull no próximo ano.”

Lewis Hamilton, da Mercedes, parece concordar, pois recentemente expressou dúvidas sobre a capacidade de qualquer equipe de fechar uma lacuna tão grande de desempenho em um único inverno. “Mas embora eu veja a Red Bull como a clara favorita, a Fórmula 1 sempre é boa para uma surpresa. Algo sempre pode acontecer”, adicionou Berger. “De qualquer forma, estou realmente ansioso por 2024.”