F1: Alpine e Mercedes firmam contrato com Mich Schumacher para 2024

Schumacher combinará funções na Alpine WEC e como reserva na Mercedes F1

A Alpine revelou que, devido a um “contrato claro” com a Mercedes, terá que encontrar um piloto reserva para cobrir Mick Schumacher quando necessário. Após as opções de Schumacher para retornar ao grid da F1 em 2024 diminuírem, ele assinou para uma temporada completa no WEC (World Endurance Championship) com a Alpine, mantendo também seu papel de piloto reserva na equipe de F1 da Mercedes.

Neste equilíbrio de funções, a Mercedes tem o poder de convocar Schumacher para substituir Lewis Hamilton ou George Russell, caso eles não possam correr. Se isso coincidir com o programa WEC, a Alpine precisará encontrar um substituto.

Bruno Famin, vice-presidente da Alpine, falando ao DailySportsCar, confirmou a clareza do contrato com Schumacher. “O contrato é claro, o acordo com Mick é claro, se ele tiver a oportunidade de dirigir na Fórmula 1 para substituir George ou Lewis, ele irá para a Fórmula Um,” disse Famin. Ele acrescentou que um piloto reserva para o programa WEC da Alpine será conhecido em breve e que não terão problemas em encontrar um.

Famin também destacou as razões da escolha de Schumacher para o programa de endurance da equipe, afirmando que o talento de Mick tem sido “subestimado” na F1 desde seu período inicial com a Haas. Ele acredita que a experiência e a mentalidade de corrida de Schumacher o tornam o candidato perfeito para a Alpine.

“O que ele pode trazer para a equipe é sua experiência de competição em nível muito alto,” explicou Famin. “A resistência está se tornando uma disciplina de alto nível com tantos fabricantes e engenheiros de alto nível. Não é apenas sobre pilotos rápidos, é sobre pilotos que gerenciarão pneus por um, dois, três trechos e cuidarão do carro para seu companheiro de equipe.”

Famin expressou confiança na capacidade de Schumacher de compartilhar o carro com seus colegas de equipe e na contribuição que ele pode trazer em termos de ideias e metodologias. Ele reafirmou sua crença de que Schumacher é subestimado na F1 e destacou suas habilidades, lembrando que Schumacher foi campeão da F2 e da F3.