McLaren confirma intenção de disputar o Mundial de Endurance com a United Autosports

A McLaren Automotive acaba de confirmar a disposição de disputar o Mundial de Endurance da FIA a partir da temporada de 2024, com o fornecimento de dois 720S GT3 EVO para a United Autosports na nova classe LMGT3.

Comemorando seu 60º aniversário em 2023, a McLaren é sinônimo de automobilismo e suas atividades de corridas com clientes começaram quase imediatamente com o carro de corrida McLaren M1 em colaboração com a Elva Sportscars.

A McLaren regressou às corridas de carros esportivos nos anos 1990 com o icônico F1 GTR, em resposta aos apelos dos clientes. Em adição à legendária vitória nas 24 Horas de Le Mans de 1995 – com a qual a McLaren se tornou o primeiro fabricante de carros de corrida a conquistar a extra-oficial Tríplice Coroa do automobilismo –, muitos F1 GTR foram entregues a equipes clientes. Estas incluíram a David Price Racing e a GTC Competition, ambas vencedoras do BPR Global Endurance Series, precursor do Mundial de GT da FIA. Em 1997, um F1 GTR da GTC Competition na configuração Longtail ganhou a divisão GT1 em Le Mans, completando a prova 29 voltas à frente do fabricante rival mais próximo.

A United Autosports se estabeleceu como uma das mais respeitadas equipes de corridas de carros esportivos e GT desde a fundação em 2010. O time baseado em Wakefield (Yorkshire) também tem uma longa história com a McLaren Motorsport, sendo uma das primeiras a correr com o carro de corrida original 12C GT3. A equipe conquistou inúmeras vitórias em campeonatos ao longo dos anos, inclusive no Mundial de Endurance e nas 24 Horas de Le Mans de 2020, forjando uma sólida reputação entre os pilotos – incluindo os ex-companheiros de equipe Fernando Alonso, Lando Norris e Juan-Pablo Montoya.

“O automobilismo continua sendo uma parte fundamental no futuro da estratégia de performance da McLaren. Estamos de olho no Mundial de Endurance há muito tempo como um encaixe natural para demonstrarmos as capacidades de performance de nossos carros. Isso inclui a volta às 24 Horas de Le Mans, a qual é um componente intrínseco do nosso duradouro sucesso no automobilismo – em particular a Tríplice Coroa, algo único para a McLaren como fabricante de supercarros e de carros de corrida. Escolhemos a United Autosports, que sentimos compartilhar a mesma paixão da marca McLaren pelas corridas de longa duração de GT e, como a McLaren, tem uma longa história de sucesso no automobilismo”, declarou Michael Leiters, CEO da McLaren Automotive. “A United Autosports comunicou ao Automobile Club de l’Ouest a intenção de alinhar dois McLaren 720S GT3 EVO no Mundial de Endurance de 2024 e esperamos que sua inscrição seja aceita. Estamos ansiosos para correr contra nossos rivais no Mundial de Endurance a partir de 2024”, completou.